Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/706
Título: Desenho e montagem de método rápido para diagnóstico da Borreliose de Lyme por PCR em tempo real
Autor: Correia, Filipa Liliana Antunes
Orientador: Cabeda, José Manuel
Data de Defesa: 2007
Editora: [s.n.]
Resumo: A detecção de espécies através do DNA por métodos moleculares, nomeadamente por PCR em tempo real, é uma das técnicas bastante procuradas hoje em dia. Este tipo de técnica é, uma técnica rápida, muito específica e de extrema sensibilidade que permite não só a detecção bem como a quantificação de um sinal fluorescente proporcional à amplificação do produto de PCR específico da espécie. A aplicação do PCR em tempo real à microbiologia, nomeadamente à detecção de bactérias, facilita o diagnóstico de infecções bacterianas particularmente nas de difícil diagnóstico em que os sinais e sintomas possam ser comuns a outras patologias e/ou tenham períodos de latência como é, entre muitos outros, o caso da Borreliose de Lyme causada pela Borrelia burgdorferi. É no DNA que se encontra a informação genética específica de cada espécie, daí a extrema especificidade e sensibilidade desta técnica identificando uma sequência específica de um “gene alvo” que identifica a bactéria. Dos métodos habitualmente utilizados para a detecção de Borrelia, os métodos culturais apresentam tempos de resposta longos (aproximadamente 16 dias). Os métodos imunológicos são também muito usados visto serem também testes rápidos e relativamente baratos no entanto apresentam alguns problemas de interpretação. Um dos métodos imunológicos mais usados é o imunoensaio ELISA cuja principal limitação é a falta de padronização. Outro problema associado aos métodos imunológicos é o facto de, numa fase inicial da doença os anticorpos poderem não ser detectáveis. No presente trabalho testou-se a possibilidade de através de PCR em tempo real detectar a espécie Borrelia burgdorferi através de primers capazes de hibridar com o “gene alvo” da espécie e de uma sonda capaz de fazer a detecção. Para tal, procurou optimizar-se um protocolo que nos permitisse detectar a espécie Borrelia burgdorferi com a maior especificidade, sensibilidade e rapidez que esta técnica é capaz de fornecer.
Descrição: Monografia apresentada à Universidade Fernando Pessoa para obtenção do grau Licenciado em Análises Clínicas e Saúde Pública
URI: http://hdl.handle.net/10284/706
Aparece nas colecções:ESS (DCETS) - Outros Trabalhos Académicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
NCBI Blast_Borrprobe.pdf53,9 kBAdobe PDFVer/Abrir
12825.pdf688,22 kBAdobe PDFVer/Abrir
NCBI Blast_3 sequences (BorrProbe).pdf790,9 kBAdobe PDFVer/Abrir
NCBI Blast_BorrprimerA.pdf53,62 kBAdobe PDFVer/Abrir
NCBI Blast_BorrprimerS.pdf55,63 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.