Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/6121
Registo completo
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorMatos, Miguel Albuquerque-
dc.contributor.authorGaspar, Fernando Nogueira-
dc.date.accessioned2017-09-07T12:58:33Z-
dc.date.available2017-09-07T12:58:33Z-
dc.date.issued2017-06-21-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10284/6121-
dc.description.abstractA taxa de incidência de patologia pulpar é elevada e o seu tratamento é efetuado principalmente por técnicas Endodônticas não cirúrgicas. Esta técnica de tratamento, embora tenha alta taxa de sucesso na reversão dos sintomas, tem desvantagens, uma vez que os dentes perdem a polpa vital, tornando-se este um problema, pois perdem também a homeostase, a sensibilidade e a estrutura dentária com a abertura da cavidade para a execução das técnicas Endodônticas. A conjugação destes fatores leva a uma diminuição da longevidade dentária, principalmente devido ao risco de fratura aumentado. Uma das formas de reverter a patologia pulpar é a revascularização pulpar. Os investigadores têm se debruçado sobre este assunto avaliando a utilização das terapias regenerativas . O objetivo desta revisão bibliográfica é compreender cada uma destas técnicas e a sua aplicabilidade tendo por base literatura publicada nos últimos 10 anos.pt_PT
dc.description.abstractThe incidence rate of the pulp disease is high and its treatment is mainly done by non-surgical endodontic techniques. In spite of having high success rate in reversing symptoms, this treatment technique has got its disadvantages, once the teeth lose their vital pulp, becoming this a serious problem because they also lose the homeostasis, the sensitivity and the dental structure with the opening of the cavity for the execution of the endodontic techniques. All these factors together lead to a decrease in dental longevity, mainly due to the risk of increased fracture. One way to revert the pulp pathology is the pulp revascularization. The researchers have been studying this matter by evaluating the use of regenerative therapies. The aim of this bibliographic revision is to understand what each one of these techniques means as well as its applicability according to published literature for the last 10 years.pt_PT
dc.language.isoporpt_PT
dc.rightsopenAccesspt_PT
dc.subjectRegenerative endodonticspt_PT
dc.subjectPulp regenerationpt_PT
dc.subjectPulp revascularizationpt_PT
dc.subjectTeeth regenerationpt_PT
dc.subjectDental stem cellspt_PT
dc.titleRevascularização pulparpt_PT
dc.typemasterThesispt_PT
thesis.degree.nameMestrado Integrado em Medicina Dentáriapt_PT
dc.subject.fosDomínio/Área Científica::Ciências Médicas::Medicina Clínicapt_PT
Aparece nas colecções:FCS (DCM) - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
PPG_27487.pdfPPG_274871,46 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.