Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/5006
Título: Avaliação da eficácia de um programa de intervenção junto de mulheres alcoólicas
Autor: Couto, Patrícia Moreira
Orientador: Alves, Sónia
Palavras-chave: Alcoolismo
Alcoolismo no Feminino
Autoestima
Plano de Intervenção
Alcoholism
Female Alcoholism
Self-Esteem
Intervention Plan
Data de Defesa: 2015
Editora: [s.n.]
Resumo: O alcoolismo feminino é um fenómeno que nas últimas décadas tem vindo a aumentar consideravelmente, tornando-se numa temática atual de investigação, por ser considerado um problema de saúde pública, com grandes repercussões físicas, psicológicas, sociais, profissionais e familiares. Estes fatores também são determinantes no modo como a mulher bebe e aceita a sua problemática, bem como, no diagnóstico desta doença por parte dos técnicos de saúde, uma vez que, nas mulheres a procura de ajuda se apresenta muitas vezes associada a outros problemas que não o alcoolismo. De entre esses problemas, podem destacar-se os baixos níveis de autoestima, a vergonha social, a culpabilidade, e os altos níveis de ansiedade e depressão. Diversos autores defendem que é fundamental a intervenção na autoestima no decorrer do tratamento da mulher alcoólica, uma vez que, é considerada um fator que conduz aos consumos alcoólicos numa mulher, bem como, ao desenvolvimento de sintomatologia psicopatológica. Além de ser considerada um fator de risco, também é um fator protetor. É precisamente neste contexto que este estudo se insere, tendo como principal objetivo avaliar a eficácia de um programa de intervenção na autoestima de mulheres alcoólicas que se encontram internadas numa comunidade de inserção social. A metodologia utilizada é do tipo exploratório de investigação-ação. A amostra ficou constituída por 11 mulheres alcoólicas, as quais foram avaliadas em termos de autoestima (através da Escala de Autoestima de Rosenberg - EAR) e de sintomatologia psicopatológica (através do Inventário de Sintomas Psicopatológicos - BSI) ambos adaptados para a população portuguesa. O primeiro instrumento têm como objetivo avaliar a eficácia do programa de intervenção na autoestima e o segundo tem como objetivo avaliar a sintomatologia psicopatológica e associá-la á autoestima. O programa de intervenção é composto por 24 sessões, com periocidade semanal e visa promover/aumentar a autoestima com vista a diminuir a sintomatologia psicopatológica permitindo a manutenção da abstinência. Como objetivo secundário, este estudo pretende estudar qual a associação entre a perturbação emocional e a autoestima. Os resultados obtidos mostraram que o plano de intervenção foi eficaz, na medida em que nos diferentes momentos de avaliação a autoestima aumentou significativamente. No que toca a associação entre a autoestima e a perturbação emocional não existe qualquer relação.
The female alcoholism is a phenomenon that in recent years has increased considerably, making it a current research topic because it is considered a public health problem with major physical effects, psychological, social, work and family. These factors are also determinants in how the woman drinks and accepts his problem as well as the diagnosis of this disease by the health workers, since, in seeking help to women has often associated with other problems than the alcoholism. Among these problems can be highlighted low levels of self-esteem, social shame, guilt, with high levels of anxiety and depression. Several authors claim that the intervention is crucial in self-esteem during the treatment of alcoholic woman, since it is considered a factor that leads to alcohol consumption in women, as well as the development of psychopathological symptoms. In addition to being considered a risk factor, it’s also a protective factor. In specifically this context that this study is inserted, with the primary objective to evaluate the effectiveness of an intervention program on self-esteem of alcoholic women who are hospitalized in a social integration community. The methodology is exploratory research-action. The sample was composed of 11 alcoholic women, who were evaluated in terms of self-esteem (by Rosenberg Self-Esteem Scale - RSES) and psychopathological symptoms (through Psychopathological Symptoms Inventory - PSI) both adapted for the Portuguese population. The first instrument evaluate the effectiveness of self-esteem intervention program and the second evaluate the psychopathological symptoms and associate to the self-esteem. The intervention program is composed by 24 sessions, with weekly periodicity and aims to promote / enhance the self-esteem in order to reduce the psychopathological symptoms allowing the maintenance of abstinence. As a secondary objective, this study want to study the association between emotional distress and self-esteem. The results showed that the intervention plan was effective, insofar as the different moments of evaluation self-esteem increased significantly. As regards about the association between self-esteem and emotional disturbance there is no connotation.
Descrição: Dissertação apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para a obtenção do grau de Mestre em Psicologia, ramo de Psicologia Clínica e da Saúde
URI: http://hdl.handle.net/10284/5006
Aparece nas colecções:FCHS (DCPC) - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
“Avaliação da Eficácia de um Programa de Intervenção Junto de Mulheres Alcoólicas”.pdf981,83 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.