Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/4997
Título: Aplicação do modelo Son-Rise numa turma de ensino estruturado
Outros títulos: estudo de caso
Autor: Mota, José Carlos Costa da
Orientador: Coelho, Fátima
Saavedra, Luísa
Palavras-chave: Ensino Estruturado
NEE
Controlo de Esfíncteres
Modelo de Desenvolvimento Son-Rise Program
Perturbação do espectro do autismo
Structured Teaching
SEN
Sphincter control
Son-Rise Program Development Model
Autism Spectrum Disorder
Data de Defesa: 2014
Editora: [s.n.]
Resumo: O Son-Rise Program (S.R.P) tem vindo a desencadear, nos últimos tempos, inúmeras reacções junto dos diversos agentes educativos. Não só por ser um método, mas também por se encontrarem resultados de sucesso visíveis nos estudos do Centro Americano de Tratamento do Autismo. Pela pouca informação existente sobre a aplicação deste programa em ambiente escolar considerou-se pertinente a realização desta investigação. Para a realização deste trabalho optou-se por um estudo de caso, envolvendo um participante com perturbação do espectro do autismo (P.E.A.), a frequentar uma sala do ensino estruturado. O objectivo neste estudo é perceber se a aplicação do S.R.P. nas áreas do controlo de esfíncteres e socialização pode ser aplicado numa sala de ensino estruturado, com sucesso. Para tal, recorreu-se a duas tabelas de registo de comportamentos: A primeira tabela da equipa multidisciplinar do Centro de Reabilitação (CRPSF) e a segunda tabela, normalmente usada pelo S.R.P. nas suas formações com as famílias, foi adaptada para a esfera escolar com a devida autorização dos autores. O programa aplicado ao aluno teve a duração de seis meses, com intervenções diárias de Junho a Novembro de 2013. Os resultados obtidos demonstram a possibilidade de se aplicar o S.R.P. em ambiente escolar, como programa alternativo a outros existentes para as salas de ensino estruturado, articulando o mesmo com as famílias. Verificou-se que o aluno evoluiu no controlo de esfíncteres, apresentando uma percentagem de 42,50% de sucesso na actividade comparativamente com a 1.ª avaliação em que os resultados apresentavam apenas uma percentagem de sucesso de 0,65%. No que diz respeito aos estágios do modelo de desenvolvimento do S.R.P, encontraram-se também resultados positivos no que concerne à socialização do aluno, havendo uma evolução desde o início do programa que, apenas cumpria tarefas relativas às áreas do estágio 1, concluindo com taxas de cumprimento em actividades inscritas no estágio 5, o estágio mais complexo do modelo de desenvolvimento do S.R.P. The Son-Rise Program (SRP) has triggered in recent times numerous reactions among various educational agents. Not only as a method but also because there have been results of visible success in studies of the American Center for Autism Treatment. Due to the little information on the implementation of this program in the school environment, it was considered appropriate to conduct this research. For this work we chose a case study involving a participant with autism spectrum disorder (ASD) attending a structured learning room. The aim of this study is to understand whether the application of SRP in the areas of sphincter control and socialization can be successfully applied in a structured teaching room. To this end, we used two registry tables of behavior: On the first we used the table of the multidisciplinary team of the Centre for Rehabilitation (CRPSF) and on the second we adapted the school’s table normally used by SRP in their training sessions with the families, with permission from the authors. The program applied to the student lasted six months, with daily operations from June to November 2013. The obtained results demonstrate the possibility of applying the SRP school environment as an alternative to other existing rooms for structured teaching, articulating the same program with the families. It was verified that the students developed sphincter control, with a proportion of 42.50 % success rate in comparison to the activity of the first evaluation in which results showed only a percentage of success of 0.65%. With regard to the stages of development of the SRP model we also found positive results regarding the socialization of students, with an evolution from the beginning of the program regarding only the areas of stage 1, ending with rate compliance activities included in stage 5, the more complex development model SRP stage.
Descrição: Dissertação apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Ciências da Educação: Educação Especial, área de especialização em Domínio Cognitivo e Motor
URI: http://hdl.handle.net/10284/4997
Aparece nas colecções:FCHS (DCPC) - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_JoséMota.pdfDM_JoséMota3,53 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.