Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/4898
Título: Idadismo e seus correletos em estudantes de enfermagem
Autor: Fontes, Joana Novais Vale Silva
Orientador: Meneses, Rute
Palavras-chave: Envelhecimento
Idadismo em Portugal
Alunos do ensino superior
Discriminação
Estereótipos
Aging
Ageism in Portugal
Students of higher education
Discrimination
Stereotypes
Data de Defesa: 2014
Editora: [s.n.]
Resumo: A sociedade está cada vez mais envelhecida. De acordo com vários estudos, o envelhecimento da população Portuguesa está a gerar vários problemas sociais novos. Muitos destes problemas ainda não são suficientemente tematizados ou perceptíveis. Um deles é a discriminação social face às pessoas idosas através de comportamentos, atitudes e preconceito presentes no dia-a-dia. Segundo Scheneider (2008 p. 586) “a velhice começou a ser tratada como uma etapa de vida caracterizada pela decadência física e ausência de papéis sociais.” Portanto torna-se relevante direcionar o estudo sobre para percepção acerca dos idosos, principalmente junto de futuros profissionais de cuidados de saúde. Assim, o objetivo central do presente estudo é conhecer a perceção de estudantes de enfermagem sobre a discriminação social perante os idosos. Para o efeito, aplicou-se, em contexto de sala de aula, um questionário sócio-demográfico e a Escala de Imagens da Velhice “ImAges” (Sousa, Cerqueira & Galante, 2002) a 78 estudantes de enfermagem, matriculados no ano letivo, 2013/2014. Os resultados demonstram que há globalmente uma visão positiva sobre o idadismo não se tendo verificado relação estatisticamente significativa entre idadismo e as restantes variáveis em estudo. Como futuros profissionais, os inquiridos consideram que o idoso possui ainda um papel ativo na sociedade. Society is increasingly aging. According to several studies, the aging of the Portuguese population is generating many new social problems. Many of these problems are not yet sufficiently thematized or noticeable. One is the social discrimination against the elderly through behaviors, attitudes and prejudice present in the day-to-day. According to Schneider (2008 p. 586). "old age began to be treated as a stage of life characterized by physical decay and absence of social roles" Therefore it becomes important to direct study on perceptions about the elderly, especially among future health, care professionals. Thus, the central aim of this study was to determine the perception of nursing students about the social discrimination against the elderly. To that end, if applied in the context of the classroom , a socio- demographic questionnaire and Scale Images of Old Age " Images " ( Sousa , Cerqueira & Galante , 2002) to 78 nursing students enrolled in the academic year 2013 / 2014 . The results show that overall there is a positive outlook on ageism and there was no statistically significant relationship between ageism and other study variables. As future professionals, respondents considered that the elderly still have an active role in society.
Descrição: Dissertação apresentada à Universidade Fernando Pessoa, como parte dos requisitos para a obtenção do grau de Mestre em Enfermagem, ramo de Enfermagem Geriátrica e Gerontológica
URI: http://hdl.handle.net/10284/4898
Aparece nas colecções:ESS (DCETS) - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_12055.pdf362,34 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.