Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/4709
Título: A transição para a vida pós-escolar dos alunos com Dificuldades Intelectuais e Desenvolvimentais (DID) numa escolaridade de 12 anos
Autor: Faria, Mariana Pereira Vieira de
Orientador: Marinho, Susana
Palavras-chave: Dificuldades Intelectuais e Desenvolvimentais (DID)
Transição para a vida pós-escolar (TVPE)
Educação inclusiva
Intellectual and Developmental Disabilities (IDD)
Post-secondary transition (PST)
Inclusive education
Data de Defesa: 2015
Editora: [s.n.]
Resumo: O presente estudo teve por objetivo a análise e reflexão sobre a transição para a vida pós-escolar (TVPE) de alunos com necessidades educativas especiais, nomeadamente, com Dificuldades Intelectuais e Desenvolvimentais (DID), na escola inclusiva de hoje, numa escolaridade de doze anos. Tendo por base a revisão da literatura, em particular a nova conceção de DID, bem como o enquadramento legal em vigor, procura-se perceber como é a resposta educativa para alunos com DID e como decorre o seu processo de transição pós-escolar na escola pública atual. As DID implicam transformações, a vários níveis, no processo de ensinoaprendizagem, pelo que a finalidade dos programas educativos para estes jovens é a sua preparação para uma vida em sociedade com a maior autonomia, competência e dignidade possível. Tal constitui um desafio para as escolas públicas de hoje, incluindo as de nível secundário, uma vez prolongada a escolaridade obrigatória para os doze anos. Assente numa metodologia quantitativa, este é um estudo de caráter exploratório, de tipo descritivo, que envolveu 70 participantes, entre professores de Educação Especial, Diretores de Turma e Encarregados de Educação de alunos com DID. Os dados foram recolhidos, através de inquérito por questionário, em dez escolas da rede escolar pública no Norte de Portugal. Após a análise dos resultados do estudo, concluiu-se que o modelo concetual de DID não é ainda do conhecimento generalizado dos professores, pese embora os currículos específicos individuais elaborados para os alunos com DID refletirem uma preocupação com a funcionalidade dos jovens. Apurou-se que o DL nº3/2008 está a ser cumprido no âmbito na TVPE, seguindo-se o preconizado na lei para o início, a conceção e implementação do PIT. No levantamento dos pontos fortes e dos obstáculos à TVPE, constatou-se como fundamental a cooperação entre escola, aluno e família, ao passo que os maiores constrangimentos no processo surgem ao nível da cooperação entre escola e comunidade envolvente.
This study aims at analysing and reflecting upon the post-school transition of students with special educational needs (SEN), namely with Intellectual Developmental Disabilities (IDD), in today’s inclusive schools, during 12 years. Starting off with the literature revision, specially on the new definition of IDD, and an overlook on the current legal framework, the study’s author aims at understanding, through an exploratory and descriptive study, what the education of learners with IDD consists of and their post-school transition process in regular state schools nowadays. Intellectual Developmental Disabilities introduce several transformations to the learning and teaching process, because the aim of the school programs for these youngster is their preparation for life in society, as autonomous, competent and dignified as possible. That is a challenge for state schools nowadays, including secondary schools, since compulsory education has been extended for twelve years. Based on a quantitative methodology, this is an exploratory study, of descriptive nature, which involved 70 participants, among Special Educational Needs (SEN) teachers, head teachers and parents/tutors of students with IDD. Results were gathered through a survey in ten state schools in the north of Portugal. Results show that most teachers aren’t yet acquainted with the concept of IDD. Still, the curricula made for students with IDD reflect a functional basis. It was also possible to check that Public-Law no. 3/2008 is being followed in the process of postsecondary transition (PST), regarding its beginning, conception and implementation. The study carried out a survey on the strengths and obstacles on the PST, having found that the cooperation between school, students and families is the basis for success, while most difficulties in the process lie in the cooperation between school and surrounding community.
Descrição: Dissertação apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Ciências da Educação: Educação Especial, área de especialização em Domínio Cognitivo e Motor
URI: http://hdl.handle.net/10284/4709
Aparece nas colecções:FCHS (DCPC) - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
MarianaFaria_tese de dissertacao29janeiro2015.pdf1,31 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.