Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/4657
Título: Síndrome metabólica e cirurgia bariátrica
Autor: Pascoal, Ana Sofia Gomes
Orientador: Rocha, Júlio César
Palavras-chave: Obesidade
Síndrome metabólica
Cirurgia bariátrica
Obesity
Metabolic syndrome
Bariatric surgery
Data de Defesa: 2014
Editora: [s.n.]
Resumo: A obesidade (OB) é uma doença caraterizada pela acumulação excessiva de gordura corporal e constitui um importante fator de risco para diversas comorbilidades. Entre estas, destaca-se hipertensão arterial (HTA), a dislipidemia e a resistência à insulina. A agregação destes fatores de risco permite definir um critério de síndrome metabólica (SM), a qual está associada a um aumento do risco de doença cardiovascular e de diabetes mellitus tipo 2 (DM2). A cirurgia de obesidade ou cirurgia bariátrica (CB) é uma das estratégias terapêuticas da OB ou da SM. Objetivo: O objetivo desta revisão da literatura é analisar o impacto que a CB tem na SM. Métodos: Foi realizada uma pesquisa bibliográfica sistemática na base de dados National Library of Medicine PUBMed-Medline, no período de março a junho de 2014, utilizando como palavras-chave os termos: “metabolic syndrome; bariatric surgery.” A pesquisa originou 210 artigos, tendo sido seleccionados 30 artigos. Resultados: A banda gástrica ajustável (BG) é o procedimento cirúrgico que conduz a uma perda de peso na ordem dos 25 a 30% nos primeiros 12 meses, após a cirurgia. Esta cirurgia não demonstrou ser a mais eficiente na diminuição da SM. A gastrectomia vertical (GV) mostrou uma perda de peso ligeiramente superior em comparação com a BG, entre 30 a 40% e uma melhoria dos parâmetros metabólicos. O grupo de derivação biliopâncreatica (DB) demonstrou uma melhoria da perda de peso na ordem dos 70 a 90%. O desvio (Bypass) gástrico em Y de Roux (DGYR) é uma técnica segura e estima-se uma perda de peso em 65%, num período de 12 meses. Este procedimento cirurgico leva a uma diminuição da prevalência da SM em 26% em 3 meses. Conclusão: Os resultados desta revisão sistemática permitem concluir que o grupo da DB são as melhores técnicas para tratar a obesidade mórbida, devido a uma maior perda de peso, como também na resolução da SM. No entanto, estas cirúrgias tem uma alta morbidade e por essa razão, o DGYR é um dos procedimentos mais populares. Esta também obtém bons resultados, ao nível da perda de peso e controlo da SM e pode ser uma escolha menos agressiva. Obesity (OB) is a disease characterized by excessive accumulation of body fat and is an important risk factor for several comorbidities. Among these, there is arterial hypertension (AH), dyslipidemia and insulin resistance. The aggregation of these risk factors can set a criterion of metabolic syndrome (MS), which is associated with an increased risk of cardiovascular disease and type 2 diabetes mellitus (T2DM). The obesity surgery or bariatric surgery (CB) is one of the therapeutic strategies of OB or SM. Objective: The objective of this literature review is to analyze the impact that the CB has the SM. Methods: A systematic literature search in the data base National Library of Medicine PubMed-Medline was conducted in the period March to June 2014, using as keywords the terms "metabolic syndrome; bariatric surgery". Search originated 210 articles, 30 articles were selected. Results: Adjustable gastric band is a surgical procedure that results in a weight loss in the range of 25 to 30% in the first 12 months after surgery. This surgery has not been shown to be more effective in decreasing the SM. Sleeve gastrectomy showed a slightly higher weight loss compared to the BG, between 30 and 40% and improved metabolic parameters. The biliopancreatic diversion group showed an improvement in the weight loss in the range of 70 to 90%. The gastric bypass surgery is a safe technique and it is estimated a weight loss of 65% over a period of 12 months. This surgical procedure leads to a decrease in the prevalence of MS in 26% in 3 months. Conclusion: The results of this systematic review support the conclusion that the group of DB are the best techniques to treat morbid obesity due to greater weight loss, but also in the resolution of MS. However, these surgeries has a high morbidity and therefore, the DGYR is one of the most popular procedures. This also get good results, in terms of weight loss and control of the MS and may be a less aggressive choice.
Descrição: Trabalho Complementar apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de licenciada em Ciências da Nutrição Relatório de Estágio apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de licenciada em Ciências da Nutrição
URI: http://hdl.handle.net/10284/4657
Aparece nas colecções:ESS (DCETS) - Outros Trabalhos Académicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TC_22160.pdfTrabalho Complementar - Ana Pascoal469,63 kBAdobe PDFVer/Abrir
RelatórioEstágio_22160.pdfRelatório de Estágio - Ana Pascoal5,02 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.