Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/4607
Título: Taurodontia
Outros títulos: os desafios no tratamento endodôntico não-cirúrgico
Autor: Afonso, Joana Catarina Nogueira
Orientador: Martins, Luís França
Data de Defesa: 2014
Editora: [s.n.]
Resumo: São várias as anomalias dentárias que podem ocorrer na dentição humana, devido a factores genéticos ou ambientais. Estas têm particular importância no estudo de relações filogenéticas e de afinidades populacionais. A taurodontia, definida como um aumento do tamanho da coroa no sentido apico-coronal, resulta, essencialmente, da falha na invaginação da baínha epitelial de Hertwig no sentido horizontal. Esta anomalia é mais prevalente em molares, e pode ocorrer isoladamente ou associada a distúrbios genéticos, tais como Síndrome de Down, Síndrome de Klinefelter, entre outros. O tratamento endodôntico em dentes com taurodontia pode ser extremamente complexo, sendo o principal objetivo da elaboração deste trabalho dar a conhecer o porquê da complexidade deste tratamento, assim como a abordagem das técnicas recomendadas de modo a contornar a dificuldade inerente ao mesmo. Nos dentes com taurodontia, a observação dos orifícios de entrada dos canais aquando da execução da cavidade de acesso, é extremamente dificultada devido à localização apical do solo da câmara pulpar, pelo que se deve recorrer, durante todo o tratamento, ao uso de magnificação. À semelhança dos tratamentos endodônticos convencionais, a irrigação assume uma importância fundamental na qualidade e taxa de sucesso deste. Este processo reveste-se ainda de maior relevância, uma vez que, dada a anatomia do espaço tridimensional presente nestas peças dentárias, a instrumentação e desbridamento mecânico revelam-se pouco eficientes. As tecnologias auxiliares e potenciadoras da irrigação, como a ativação ultrassónica da solução irrigadora, apresentam-se como fundamentais para a obtenção de melhores resultados. Para além destas, outras técnicas estão disponíveis para a optimização do tratamento em cada uma das fases: cavidade de acesso, instrumentação, desinfeção e obturação. There are several dental anomalies that can occur in the human dentition, due to genetic or environmental factors. They are particullary important when evaluating the filogenetic relationships and populational affinities. Taurodontism, which is defined as a corono-apically enlargement of the pulp chamber, results primarily from the failure of the Hertwig’s epithelial sheath’s horizontal invagination. This anomaly is more prevalent in molars, and it can occur isolated or associated with genetic disorders, such as Down’s syndrome, Klinefelter’s syndrome, among others. Endodontic treatment of taurodontic teeth can be extremely complex. Therefore, the aim of this research is to introduce not only the reasons why this treatment is so difficult, but also the recomended techniques that are available to contour its complexity. In taurodontic teeth, the observation of the canal orifices can be extremely difficult, because of its apical position. For that reason, it is recomended to use magnification during the entire treatment. Resembling the treatment in conventional teeth, irrigation takes a leading role in its quality and success. This has even more relevance when treating taurodontic teeth, because the instrumentation and mechanical debridement can be ineffective, due to the tridimensional anatomy of these teeth. The auxiliary and enhancer technologies of irrigation, such as ultrasonic activation, are presented as fundamental to achieve better results. Furthermore, these and other techniques are available to optimize the endodontic treatment in each one of its stages: access cavity, instrumentation, irrigation and filling.
Descrição: Projeto de Pós-Graduação/Dissertação apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Medicina Dentária
URI: http://hdl.handle.net/10284/4607
Aparece nas colecções:FCS (DCM) - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
PPG_21381.pdf2,66 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.