Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/4493
Título: Gestão integrada de recursos humanos em farmácia comunitária e seus fundamentos
Autor: Bento, Marta Filipa Teixeira
Orientador: Santos, Delfim
Palavras-chave: Farmácia comunitária
Gestão de Recursos Humanos
Modelos de gestão
Farmácia e gestão
Community pharmacy
Human Resource Management
Management models
Pharmacy and management
Data de Defesa: 2014
Editora: [s.n.]
Resumo: A Gestão de Recursos Humanos surgiu em consonância com as complexas necessidades que advieram do crescimento das empresas e das organizações. Segundo os autores, as suas origens remontam ao início do século XX, após o forte impacto da revolução industrial, como uma atividade mediadora das organizações e das pessoas, com o intuito de abrandar ou reduzir o conflito industrial entre os objetivos organizacionais e a individualidade dos colaboradores. A farmácia em Portugal tem vindo a sofrer uma série de alterações legislativas que a elevaram a um novo paradigma, tornando-se um sector mais competitivo do que anteriormente. Isto levou a que determinados aspetos de gestão se tornassem mais valorizados, nomeadamente a Gestão de Recursos Humanos e de marketing, para um futuro sucesso da farmácia sem interferir com os propósitos iniciais de serviço ao público. O planeamento de Recursos Humanos em saúde assume assim uma especial importância, principalmente numa altura de envolvência económica e política de grande incerteza, com crescente inovação tecnológica nas farmácias, maior abertura dos cidadãos quanto à saúde, falta de médicos, reformas nos sistemas de saúde e cada vez mais importância na gestão dos recursos existentes em cada farmácia, inclusive, o de Recursos Humanos. O presente trabalho pretende fazer uma pequena incursão sobre o estado da arte da Gestão de Recursos Humanos em farmácia, principalmente, nas portuguesas, assim como os futuros desenvolvimentos da mesma. The Human Resources Management (HRM) emerged in line with the complex needs that were derived from the growth of businesses and organizations. According to the authors, their origins date back to the early twentieth century, after the strong impact of organizations and individuals in order to slow down or reduce industrial conflict between organizational goals and individuality of employees. The Pharmacy in Portugal has suffered a series of legislative changes that amounted to a new paradigm witch made it more competitive industry than before. This meant that certain aspects of management become more valued, including human resource management and marketing for a successful future pharmacy without interfering with the original purpose of public service. The planning of human resources for health has a particular importance, especially at a time of great economic uncertainty and political surroundings, with increasing technological innovation in pharmacies, greater openness to citizens about health, lack of doctors, reforms in the health systems and increasingly importance in the management of existing resources in each pharmacy, including the human resources. The present work aims to make a small raid in the state of the art of human resources management in pharmacy, mainly in Portuguese, as well as future developments.
Descrição: Projeto de Pós-Graduação/Dissertação apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Ciências Farmacêuticas
URI: http://hdl.handle.net/10284/4493
Aparece nas colecções:FCS (DCF) - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
PPG_24029.pdf503,69 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.