Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/4410
Título: O uso de antioxidantes na prevenção da doença
Autor: Valente, Elisabete Pinho
Orientador: Moutinho, Carla
Data de Defesa: 2014
Editora: [s.n.]
Resumo: As espécies reativas de oxigénio e as espécies reativas de azoto produzidas no organismo durante os processos metabólicos fisiológicos são neutralizadas pelas defesas antioxidantes. Contudo, em diversos estados patológicos, estilos de vida incorretos e/ou a permanência constante em condições ambientais desfavoráveis pode ocorrer a acumulação de radicais livres, originando-se uma situação de stress oxidativo. O stress oxidativo está implicado em várias doenças nomeadamente cancro, doenças cardiovasculares como a aterosclerose, doenças oculares como a degeneração macular, doença de Alzheimer, entre outras. Os antioxidantes por terem a capacidade de evitar os processos oxidativos, atuam impedindo a formação das espécies reativas, ou eliminando-as, exercendo assim uma ação protetora. No entanto, devido ao facto destes compostos se encontrarem em baixas concentrações no organismo, a suplementação antioxidante torna-se fundamental para reforçar a ação destes. Estudos iniciais sobre o uso de antioxidantes na prevenção de doenças crónicas sugeriram uma ação benéfica para a saúde. Porém, estudos clínicos realizados posteriormente não obtiveram resultados concordantes com os primeiros, revelando mesmo ausência de efeito salutar. Desta forma, o presente trabalho visa proceder à revisão bibliográfica da utilização de antioxidantes na prevenção de doenças cardiovasculares, do cancro, de doenças oculares e da doença de Alzheimer. The reactive oxygen species and the reactive nitrogen species produced in the organism during the physiological and metabolic processes are neutralized by antioxidant defences. However, due to the various pathological states, incorrect lifestyles, the constant permanence of unfavourable environmental conditions the accumulation of free-radicals occurs, producing a situation of oxidative stress. The oxidative stress is implied in various diseases, such as cancer, cardiovascular diseases, like atherosclerosis, ocular diseases as macular degeneration, Alzheimer, among others. The antioxidants, for having the ability to avoid oxidative processes, act preventing the formation of reactive specimens, or eliminating them, therefore exercising a protective action. However, due to the fact that these compounds arise in low concentrations in the organism, antioxidant supplementation becomes critical to enhance their action. Initial studies on the use of antioxidants in the prevention of chronic diseases have suggested a beneficial effect on health. However, further clinical studies did not achieve consistent results with the first, even revealing absence of salutary effect. Thereby, the present study aims to carry out a bibliographic review of the use of antioxidants in the prevention of cardiovascular disease, cancer, eye disease and Alzheimer's disease.
Descrição: Projeto de Pós-Graduação/Dissertação apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Ciências Farmacêuticas
URI: http://hdl.handle.net/10284/4410
Aparece nas colecções:FCS (DCF) - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
PPG_ElisabeteValente.pdf1,77 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.