Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/4393
Título: O paciente alérgico no consultório de Medicina Dentária
Autor: Moreira, Sara Rios
Orientador: Soares, Sandra
Teles, Ana
Palavras-chave: Allergy
Dentistry
Allergic patient
Amalgam
Chlorhexidine
Latex-allergic patients
Allergy diagnosis
Allergy contact
Dental materials
Atopia
Data de Defesa: 2014
Editora: [s.n.]
Resumo: Introdução: A alergia é uma reação do sistema imunológico a uma série de substâncias como o pólen, o leite, o chocolate, a lã, o nylon, medicamentos e anestésicos. Afeta essencialmente indivíduos atópicos com predisposição genética. A prevalência de alergias tem vindo a aumentar na última década, estima-se que 25% da população europeia apresenta algum tipo de alergia. No consultório dentário, apesar das hipersensibilidades aos materiais dentários serem escassas, as hipersensibilidades mais comuns são as do tipo I e do tipo IV. Objetivos: Quantificar a prevalência de alergias nos pacientes atendidos na Consulta de Medicina Dentária das Clínicas Pedagógicas da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade Fernando Pessoa; caracterizar as alergias mais frequentes; verificar a existência de alguma relação entre a prevalência de alergias com a variável sexo e a variável idade. Metodologia: O presente estudo epidemiológico consistiu na aplicação de um inquérito como instrumento de recolha de dados quantitativos. Obteve-se uma amostra de 190 indivíduos com idade superior a 18 anos, selecionados de forma aleatória e que se dirigiram à Clinica Pedagógica de Medicina Dentária da Universidade Fernando Pessoa no ano letivo de 2013/2014. Os dados resultantes do estudo foram armazenados no programa Microsoft Excel 2010. Os procedimentos de análise estatística descritiva foram realizados utilizando o programa informático IBM SPSS Statistics. Resultados: A prevalência de alergias na população em estudo foi de 29%. A prevalência de alergias é maior no sexo feminino sendo a probabilidade (OR) de cerca de 1.89 vezes superior no sexo feminino do que no sexo masculino. No teste de correlação de Pearson, o valor observado foi de 0.302 assim não se verificou correlação entre o aumento da idade com o aumento ou diminuição das alergias. As alergias mais frequentes foi a do tipo respiratória 60%, medicamentosas 16%, doenças alérgicas com alergénios positivos 11%, do tipo cutâneas 9% e do tipo alimentares 4%. Nas alergias do tipo respiratórias observa-se uma maior percentagem na rinite alérgica com 36.40%. Relativamente às alergias do tipo medicamentosas, a penicilina apresenta 10.60%. Conclusão: A prevalência de alergias nesta população assemelha-se à de outros países Europeus. Tal como noutros países a alergia mais comum é a rinite alérgica. A análise dos resultados deste estudo pode conduzir a uma reflexão acerca do aumento da prevalência de alergias pelo que é crucial que todos os médicos dentistas tenham um cuidado extra ao abordarem os seus pacientes no sentido de diagnosticar qualquer uma das mais variadas alergias abordadas no presente trabalho. Introduction: Allergy is a reaction of the immune system to a variety of substances such as pollen, milk, chocolate, wool, nylon, drugs and anesthetics. Affects mainly atopic individuals with a genetic predisposition. The prevalence of allergies has increased in the last decade, it is estimated that 25% of the population has some type of allergy. In dental surgery, despite hypersensitivity to dental materials are rare, the most common are the hypersensitivity type I and type IV. Aims: Quantify the prevalence of allergies in patients attending at the dental medicine services of pedagogical practice in Faculdade Fernando Pessoa; characterize the most common allergies; verify the existence of any relationship between the prevalence of allergies with the gender variable and the variable age. Methodology: This epidemiological study consisted in application of a survey as a tool for collecting quantitative data. Obtained a sample of 190 individuals aged over 18 years, randomly selected and who applied to the Pedagogical Clinic of Dental Medicine, University Fernando Pessoa in the academic year 2013/2014. The data resulting from the study were stored in Microsoft Excel 2010 program. Procedures descriptive statistics were performed using the computer program SPSS Statistics. Results: The prevalence of allergies in the study population was 29%. The prevalence of allergies is higher in females and the likelihood (OR) of about 1.89 times higher in females than in males. In Pearson correlation test, the observed value was 0.302 so there was no correlation between age increase with the increase or decrease of allergies. The most common allergies of the respiratory type was 60%, 16% drug, with positive allergens allergic diseases 11%, the type Skin 9% and 4% of the food type. In the respiratory type allergies observe a higher percentage in allergic rhinitis with 36.40%. Regarding allergies drug type, penicillin has 10.60%. Conclusions: The prevalence of allergies in this population is similar to other European countries. As in other countries the most common allergy is allergic rhinitis. The results of this study may lead to a reflection on the increasing prevalence of allergies so it is crucial that all dentists take extra care when approaching their patients in order to diagnose any of the various allergies addressed in this work.
Descrição: Projeto de Pós-Graduação/Dissertação apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Medicina Dentária
URI: http://hdl.handle.net/10284/4393
Aparece nas colecções:FCS (DCM) - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
PPG_SaraMoreira.pdf641,38 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.