Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/4204
Título: Cancro oral
Outros títulos: influência do HPV no desenvolvimento do carcinoma oral das células escamosas
Autor: Santos, Carlos Eduardo Silva
Orientador: Palmeira, Carlos
Palavras-chave: Cancro oral
Carcinoma das células escamosas
Cancerização em campo
Vírus do Papiloma Humano
Dentistas
Oral cancer
Squamous cell carcinoma
Cancerization field
Human Papilloma Virus
Lesions
Dentists
Data de Defesa: 2013
Editora: [s.n.]
Resumo: Os tumores malignos da cabeça e pescoço representam o sexto tipo mais prevalente no mundo, sendo o cancro oral o que surge com maior frequência e que ocorre, em 90% dos casos, sob a forma histológica de carcinoma das células escamosas. As elevadas taxas de mortalidade e morbilidade que são atribuídas ao cancro oral prendem-se pela detecção tardia da patologia e pelas recorrências que surgem mesmo após excisão total que, por sua vez, são explicadas pela “cancerização em campo”, extensão esta onde se encontram células com alterações genéticas sugestivas e que justificam uma origem multifocal. Apesar de álcool e tabaco serem factores de risco dominantes comprovados, aproximadamente 10-20% de indivíduos acometidos não possuem este historial tóxico e representam uma faixa etária mais jovem; as evidências epidemiológicas, similaridade com as lesões do cancro ano-genital e o potencial oncogénico, nomeadamente dos subtipos 16 e 18, suscitaram o interesse em investigar o Vírus do Papiloma Humano – viabilizado através de conduta sexual – como factor de risco independente ou modulador do processo de carcinogénese. As pesquisas têm gerado controvérsia sobre a importância da detecção e papel efectivo deste agente no desenvolvimento do carcinoma das células escamosas, apontando como argumentos as grandes variações de ADN viral detectado nas lesões (1-100%) e a dificuldade em especificar se os locais anatómicos afectados eram apenas orais, da orofaringe ou outros. Os dentistas têm um papel preponderante na detecção das lesões orais e, como tal, é importante aprofundar as investigações no âmbito desta temática. Head and neck malignant tumors represent the 6th most prevalent type worldwide, being oral cancer the most frequent one, appearing, in 90% of cases, under the histological form of squamous cell carcinoma. The high mortality and morbility rates due to oral cancer are explained by the late detection of the pathology and recurrences that rise even after total excision, which in turn is explained by the “cancerization field”, an extension where is possible to find cells with suggestive genetic alterations and that justifies a multifocal origin. Despite alcohol and tobacco arise as dominant and proven risk factors, approximately 10-20% of the affected individuals not only don’t present this toxic history but also fit in a younger age group; the epidemiological evidence, the similarity with anogenital cancer lesions and the oncogenic capability, namely 16 and 18 subtypes, brought up the concern on investigating the Human Papillomavirus – transmitted by sexual conduct – as an independent risk factor or a modulator of the carcinogenesis process, notedly in oropharynx cancer. Researches have been creating dissonant opinions about the significance of detection and effective role of this virus on the development of squamous cell carcinoma, presenting as arguments the wide range of viral DNA detected in lesions (1-100%) and the lack of specification shown by studies whether the affected locations were solely oral, oropharingeal or others. Dentists have a leading role on the screening of oral lesions and, therefore, it becomes clear the importance of deepening the investigations on this field suppressing possible confounding factors.
Descrição: Projeto de Pós-Graduação/Dissertação apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Medicina Dentária
URI: http://hdl.handle.net/10284/4204
Aparece nas colecções:FCS (DCM) - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Capas_16515.pdfCapas_16515312,99 kBAdobe PDFVer/Abrir
PPG_16515.pdfPPG_16515673,42 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.