Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/4118
Título: Estudo da prevalência da utilização de protetores bucais em praticantes da arte marcial Muay Thai
Autor: Ângelo, Gonçalo Filipe Nunes Ribeira
Orientador: Bulhosa, José Frias
Palavras-chave: Martial Arts
Mouth Protectors
Facial Injuries/prevention & control
Tooth Injuries
Prevention and control
Athletic Injuries
Prevention and control
Mouth Protectors/classification
Mouth Protectors/statistics and numerical data
Data de Defesa: 2013
Editora: [s.n.]
Resumo: INTRODUÇÃO: A prevenção de lesões dentárias, dos tecidos moles e ósseas durante a prática de Artes Marciais, como o Muay Thai, é extremamente importante. A utilização de um protetor bucal pode reduzir significativamente a frequência e a gravidade das lesões orofaciais, mas nem sempre são usados pelos atletas uma vez que podem ser desconfortáveis. OBJETIVO: O objetivo do presente estudo foi determinar a prevalência da utilização dos protetores bucais numa amostra de atletas de Muay Thai do Ginásio Workout em Matosinhos. Para além disso, pretendeu encontrar-se associação entre as variáveis período de prática, a frequência de lesões, e os hábitos de higiene oral dos atletas, com a prevalência do uso de protetores bucais bem como entre as variáveis tipo de protetor usado com a frequência de lesões na face e boca. MATERIAL E MÉTODOS: Recorreu-se a uma amostra de 86 atletas de Muay Thai com idades compreendidas entre os 15-35 anos do Ginásio Workout em Matosinhos, Porto, e foi lhes pedido para preencherem um questionário sobre o seu historial de combate, trauma e higiene oral, e sobre o conhecimento e uso dos diversos tipos de protetores. RESULTADOS: A totalidade dos praticantes sabem o que são protectores bucais. 87% dos entrevistados afirmaram usar protetor bucal. As lesões mais referenciadas foram nos lábios e na articulação temporomandibular. A maior dificuldade associada ao uso de um protetor bucal foi o desconforto no discurso. Os protetores bucais moldados pelo calor são os mais conhecidos e os mais utilizados. 72% dos indivíduos afirmou que os protetores bucais são indispensáveis, e 91% relatou sentir-se mais seguro e confiante aquando da sua utilização. Correlações estatisticamente significativas foram encontradas para as variáveis período de prática de Muay Thai e recorrência ao uso de protetores bucais, frequência de lesões e recorrência aos protetores, tipos de protetores usados e frequência de lesões. CONCLUSÕES: A importância do uso dos protetores bucais é reconhecida pelos praticantes, ainda que nem todos recorram aos mesmos. Quanto maior o período de prática de Muay Thai, mais importantes e relevantes na prevenção de traumas orofaciais de assumem os protetores bucais. A frequência de traumas durante o Muay Thai aumenta com os anos de prática. A higiene oral de cada atleta não é indicativo do tipo de protetor bucal escolhido. O protetor bucal Custom-Made assume-se com o mais preventivo. BACKGROUND: The prevention of dental, soft and bone injuries during full-contact sports such as Muay Thai is extremely important. Wearing a mouthguard can significantly reduce the frequency and severity of orofacial injuries – but it is not always used, as athletes find it difficult to tolerate. AIM: The aim of this study is to determine the prevalence of the use of mouthguards in a sample of Muay Thai athletes from Ginásio Workout, in Matosinhos. Moreover, the study intends to relate the time of practice, injuries and oral hygiene with the prevalence of mouthguards. MATERIAL AND METHODS: 86 athletes of Academia Workout in Matosinhos, Porto, with ages between 15 and35 years old, completed a questionnaire about combat, trauma, and dental higiene history, current use and type of mouthguards, disturbancess associated with mouthguard use, general attitudes towards mouthguards and trauma related to Muay Thai. RESULTS: All of the subjects knows what a mouthguard is. 87% of the subjects reported wearing a mouthguard, 35 % stated that they use a mouthgauard at all times during training and games and 52% when they don’t Forget using one. The most common injuries are in the lips and in the temporomandibular articulation. The most commonly reported problem associated with using a mouthguard was the discomfort while speaking. Boil-and-bite mouthguards are the best known and used ones. 72% of the subjects feels that mouthguards are indispensable, and 91% reported feeling more secure and confident with them. A statistically significant association was found between the Muay Thai training period and mouthguard utilization, trauma frequency and mouthguard utilization, and types of mouthguards with trauma frequency. CONCLUSION: The knowledge and importance of mouthguards is recognized by every Muay Thai athlete, despite not being used by all. The higher the pratice period, the more importante it is to use a mouthguard. Trauma frequency increases with the number of years of practice. Oral higiene of each athlete is not a method to determine wich mouthguard should be choosen. Custom-made mouthguards appears to be the best option to prevent trauma.
Descrição: Projeto de Pós-Graduação/Dissertação apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Medicina Dentária
URI: http://hdl.handle.net/10284/4118
Aparece nas colecções:FCS (DCM) - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
PPG_18388.pdfPPG_183882,43 MBAdobe PDFVer/Abrir
Anexos.pdfAnexos174,9 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.