Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/4081
Título: Suplementação com Vitamina D e seus derivados na prevenção e tratamento do cancro da próstata
Autor: Costa, Carolina Lourenço da
Orientador: Medeiros, Rui
Palavras-chave: Vitamina D
Cancro da próstata
Prevenção cancro da próstata
Tratamento do cancro da próstata
Vitamin D
Prostate cancer
Prevention of prostate cancer
Treatment of Prostate cancer
Data de Defesa: 2013
Editora: [s.n.]
Resumo: Introdução: O cancro da próstata é, sem dúvida, o tipo mais comum de cancro entre os Homens em todo o mundo. Apesar da sua etiologia não se encontrar totalmente esclarecida, ambos os fatores, genéticos e ambientais, poderão ter uma influência sobre a doença. Alguns estudos epidemiológicos sugerem que a vitamina D pode ter um efeito preventivo no desenvolvimento do cancro da próstata. Ao longo do presente estudo, realiza-se uma prévia contextualização teórica acerca da vitamina D (as suas formas ativa e circulante) e uma revisão de literatura acerca da sua associação com a prevenção e tratamento do cancro da próstata, seguida de uma revisão sistemática de literatura sobre o papel da vitamina D na prevenção e tratamento do cancro da próstata. Objetivos: Realizar uma revisão sistemática de literatura acerca do papel da vitamina D na prevenção do cancro da próstata. Analisar variáveis que afetam esta associação, nomeadamente a exposição solar (localização geográfica), dieta alimentar, os grupos étnicos (cor da pele) ou a influência do património genético Material/Métodos: Procurou-se rever a literatura existente nas bases de dados informáticas de maior credibilidade científica: iniciou-se com o Cochrane Database of Systematic Reviews, e em seguida, no PubMed “Clinical Queries” e Science Direct, dentro de um período de tempo considerado fiável (1993-2013). A pesquisa centrou-se em artigos redigidos em inglês. Resultados: Os estudos selecionados apresentaram resultados relativos a parâmetros diferentes: 7 estudos avaliaram os níveis séricos da vitamina D, 3 estudos analisaram a influência da exposição solar e 1 estudo a relação da dieta alimentar, com o desenvolvimento do cancro da próstata. Os resultados obtidos expressam-se em cada uma das três grandezas, Odds Ratio (OR), Risco Relativo (RR) e Hazard Ratio (HR), permitindo obter evidências conclusivas. Dos 11 estudos apresentados, encontraram-se evidências favoráveis à relação da vitamina D com o cancro da próstata em apenas 3 estudos (27%). Os restantes 8 estudos (73%) revelam uma insuficiente, inconsistente e, até mesmo, inexistente evidência do papel preventivo da vitamina D, no desenvolvimento do cancro da próstata (OR, HR, e RR > 1). As variáveis em estudo, a exposição solar (localização geográfica), dieta alimentar ou os grupos étnicos (cor da pele) foram analisadas e concluiu-se que os resultados não são consistentes relativamente à localização geográfica e aos grupos étnicos, no entanto não se verificou a influência positiva da alimentação na prevenção deste tipo de cancro. Conclusão: De uma maneira geral, a revisão sistemática não encontrou uma evidência qualitativa que suporte a associação entre a vitamina D e o desenvolvimento do cancro da próstata. Sugerem-se mais e maiores estudos com diferentes populações étnicas, participantes com diferentes localizações geográficas, com informações precisas das dietas alimentares e do património genético, bem como com informações detalhadas sobre as características deste tipo de cancro, no sentido de melhor esclarecer estas evidências. Introduction: Prostate cancer is undoubtedly the most common type of cancer among men worldwide. Although its etiology is not fully understood find both factors, genetic and environmental, may have an influence on the disease. Some epidemiological studies suggest that vitamin D may have a preventative effect on the development of prostate cancer. Throughout this study, carried out on a previous theoretical contextualization of vitamin D (forms active and current) and a review of literature on its association with the prevention and treatment of prostate cancer, followed by a systematic review of literature on the role of vitamin D in the prevention and treatment of prostate cancer. Objectives: Conduct a systematic review of literature on the role of vitamin D in the prevention of prostate cancer. Examine variables that affect this association, including sun exposure (geographic location), diet, ethnic groups (skin colour) or the influence of genetic. Material/Methods: We sought to review the literature on computer databases of scientific credibility: began with the Cochrane Database of Systematic Reviews, and then in PubMed "Clinical Queries" and Science Direct, within a period of time considered reliable (1993-2013). The research focused on articles written in English. Results: The selected studies presented results for different parameters: 7 studies evaluated serum levels of vitamin D, 3 studies examined the influence of sun exposure and one study the relationship of diet, with the development of prostate cancer. The results are expressed in each of the three quantities, odds Ratio (OR), relative risk (RR) and hazard ratio (HR), allowing to obtain conclusive evidence. Of the 11 studies presented, we found evidence supporting the relationship of vitamin D with prostate cancer in only three studies (27%). The remaining eight studies (73%) show an insufficient and inconsistent, even nonexistent, evidence of vitamin D preventive role in the development of prostate cancer (OR, SR and RR> 1). The variables, sun exposure (geographic location), diet or ethnic groups (skin colour) were analyzed and it was concluded that the results are not consistent with regard to geographical location and ethnic groups, however there was no positive influence of food in preventing this type of cancer. Conclusion: In general, the systematic review didn’t found qualitative evidence that supports an association between vitamin D and development of prostate cancer. Suggest more and larger studies with different ethnic populations, participants with different geographical locations, with accurate information of diets and genetic as well as detailed information about the characteristics of this type of cancer, in order to better clarify this evidence.
Descrição: Projeto de Pós-Graduação/Dissertação apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Ciências Farmacêuticas
URI: http://hdl.handle.net/10284/4081
Aparece nas colecções:FCS (DCF) - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese final.pdf682,49 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.