Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/4047
Título: A percentagem de consoantes corretas (PCC) em crianças dos 3 aos 5 anos de idade
Autor: Silva, Sandra Cristina Coelho da
Orientador: Antunes, Eva
Palavras-chave: Fala
Avaliação
PCC
Speech
Evaluation
PCC
Data de Defesa: 2013
Editora: [s.n.]
Resumo: A avaliação é uma das principais ferramentas do terapeuta da fala. Como qualquer ferramenta, se usada adequadamente, pode acelerar o trabalho a ser desenvolvido. Uma avaliação descuidada acarreta uma perda de tempo e energia, levando ocasionalmente a decisões diagnósticas inadequadas e a um planeamento de intervenção ineficiente (Mota, 2001). Este estudo tem como objetivo geral analisar o PCC (percentagem de consoantes corretas) em crianças dos 3 aos 5 anos de idade. Também é objetivo desta investigação verificar se existe uma correlação entre: 1) PCC e idade; 2) PCC e sexo; 3) PCC e escolaridade mais elevada dos pais. Para este efeito, foram avaliadas 34 crianças com idades compreendidas entre os 3 e os 5 anos de idade, pertencentes ao concelho de Felgueiras e Amarante. A amostra foi dividida em três grupos: G1) crianças com 3 anos (n=12); G2) crianças com 4 anos (n=9); G3) crianças com 5 anos (n=13). Para recolha dos dados da avaliação foi utilizado o Teste de Articulação CPUP: Sons em Palavras, para analisar a fala das crianças. Para realizar a avaliação fonológica, foi usada a avaliação proposta pelos autores Yavas, Hernandorena & Lamprecht (2002), que foi criado com o objetivo de eliciar a amostra mais representativa da fala da criança através da nomeação espontânea. Para o cálculo do PCC são considerados como erros as omissões, substituições e distorções. Os resultados obtidos neste estudo mostram que apenas a idade influencia os valores do PCC, enquanto o sexo e a escolaridade mais elevada dos pais não apresenta uma correlação positiva nem estatisticamente significativa. Desta forma, conclui-se que quanto mais idade têm as crianças maior é o seu PCC. Evaluation is one of the main tools of the speech therapist. Like any tool, if used properly, can accelerate the work to be done. A careless assessment entails a waste of time and energy, occasionally leading to inadequate diagnostic decisions and inefficient planning intervention (Mota, 2001). This study aims at analyzing the PCC (percentage of consonants correct) in children from 3 to 5 years old. Another objective of this research is whether there is a correlation between: 1) PCC and age, 2) PCC and sex; 3) PCC and higher parents schooling. For this purpose, we evaluated 34 children aged between 3 to 5 years of age, belonging to the municipality of Felgueiras and Amarante. The sample was divided into three groups: G1) children with 3 years old (n = 12), G2) children with 4 years old (n = 9); G3) children with 5 years old (n = 13). To collect the data evaluation test was used the Articulation CPUP: Sounds in Words, to analyze the speech of children. To perform the phonological evaluation, was used the evaluation proposed by the authors Yavas, Hernandorena & Lamprecht (2002), which was created with the goal of eliciting a more representative sample of child speech through spontaneous naming. To calculate the PCC are considered as errors the omissions, substitutions and distortions. The results of this study show that only age influences the values of the PCC, whereas sex and higher parents schooling do not show a positive correlation nor statistically significant. Thus, it is concluded that the older they are, the higher is their PCC.
Descrição: Projeto de Graduação apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Licenciada em Terapêutica da Fala
URI: http://hdl.handle.net/10284/4047
Aparece nas colecções:ESS (DCETS) - Outros Trabalhos Académicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
PCC em crianças dos 3 aos 5 anos de idade.pdf2,68 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.