Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/3998
Título: A prevalência das alterações emocionais e a sua relação com o bem-estar físico e qualidade de vida nos utentes da Clínica Pedagógica de Fisioterapia da Universidade Fernando Pessoa
Autor: Moreira, Lúcia Maria Aguiar
Orientador: Mariz, Ana Rita
Palavras-chave: Alterações emocionais
Ansiedade
Depressão
Qualidade de vida
Estado físico
Corpo e mente
Emotional changes
Anxiety
Depression
Quality of life
Physical conditional
Body and mind
Data de Defesa: 2013
Editora: [s.n.]
Resumo: Nos dias de hoje é cada vez mais frequente a existência de diversas alterações emocionais que direta/indiretamente interferem no quadro clinico dos pacientes. Desta forma, o objetivo deste estudo é avaliar a prevalência das alterações emocionais nos pacientes da Clínica Pedagógica de Fisioterapia da Universidade Fernando Pessoa (CPF-UFP), relacionando-a com o bem-estar físico e qualidade de vida desses mesmos indivíduos. A amostra foi constituída por 85 pacientes do foro ortopédico, neurológico e geriátrico. Para a recolha de dados foram utilizados um questionário de caraterização pessoal e três escalas: A Escala Hospitalar de Ansiedade e Depressão (HADS), para avaliar a prevalência das alterações emocionais, o SF-12, para medir a qualidade de vida e o Brief Pain Inventory (BPI), para analisar o estado físico dos pacientes. Verificou-se a existência de uma prevalência de pacientes com sintomas de ansiedade (47,1%) e depressão (32,9%), bem como, uma relação entre os scores da HADS com a qualidade de vida e o estado físico dos pacientes da CPF-UFP. Desta forma, é importante que o fisioterapeuta não trate apenas os sintomas físicos, mas “veja” o paciente como um todo: corpo e mente. Nowadays it’s increasingly the existence of many emotional changes which directly/ indirectly affect the clinical status of patients. Thus, the aim of this study is to evaluate the prevalence of emotional disorders in the Physiotherapy Pedagogical Clinic - Fernando Pessoa University (PPC-FPU) patients, and to relate it with their physical well-being and quality of life. The sample consisted in 85 patients of the orthopedic, neurological and geriatric forums. For the collection of the data it has been used a questionnaire of personal characterization and three different scales: the Hospital Anxiety and Depression Scale (HADS) to assess the prevalence of emotional disorders, the SF-12 to measure quality of life and the Brief Pain Inventory (BPI), to analyze the physical condition of the patients. It was found that there was a prevalence of patients with symptoms of anxiety (47.1%) and depression (32.9%), as well as a relationship between the HADS scores and the quality of life and physical condition of the patients of PPC-FPU. Thus, it is important that the physiotherapist doesn't only treat the physical symptoms, and that he "sees" the patient as a whole: body and mind.
Descrição: Projeto de Graduação apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Licenciada em Fisioterapia
URI: http://hdl.handle.net/10284/3998
Aparece nas colecções:ESS (DCETS) - Outros Trabalhos Académicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Capa e Abstract.pdfCapa_Abstract149,3 kBAdobe PDFVer/Abrir
Projeto Final.pdf228,8 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.