Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/3755
Título: Estabilidade e tempo de vida útil de fármacos e medicamentos
Autor: Santos, Vanessa Liliana Pereira
Orientador: Manso, M. Conceição
Palavras-chave: Estabilidade
Prazo de validade
Processos de degradação
Fatores ambientais
Cinética de reação
Arrhenius
Stability
Shelf life
Degradation process
Environmental factors
Reaction kinetics
Arrhenius
Data de Defesa: 2012
Editora: [s.n.]
Resumo: Todos os materiais, naturais ou sintéticos sofrem alterações com o tempo sob a ação de diversos fatores ambientais (temperatura, luz, humidade). O mesmo acontece com os fármacos e medicamentos, sendo os primeiros mais estáveis, e os fármacos em formas sólidas mais estáveis do que os que se encontram em formas liquidas. Neste trabalho são referidos os fatores dos quais a estabilidade depende, assim como os processos de degradação mais frequentes. A decomposição dos fármacos obriga a que seja determinado o seu prazo de validade. Assim as empresas farmacêuticas estimam o tempo de vida, de forma a determinar a quantidade de tempo que o medicamento se encontra de acordo com as especificações preconizadas pelas entidades reguladoras. O processo de determinação do tempo de vida útil de um medicamento é designado como análise de estabilidade. Os estudos da estabilidade dos fármacos e medicamentos são projetados de forma a fornecer uma visão sobre o mecanismo de degradação e uma estimativa da data de expiração (tempo de semi-vida) ou outro tempo para o qual se obtenha uma determinada percentagem de degradação. Para tal recorre-se a modelos matemáticos, verificando-se uma interligação de duas áreas aparentemente distintas. Os modelos matemáticos são uma das mais poderosas ferramentas nos processos de avaliação e otimização de amostras. É importante determinar experimentalmente a ordem de uma reação e os parâmetros envolvidos que a caracterizam. Isto envolve a determinação da constante de cinética (K) para se obter a correta ordem da reação de degradação (ordem 0, 1 ou 2), através da relação entre a concentração (C) e o tempo (t) a várias temperaturas (T). Posteriormente, a relação entre a velocidade de reação a várias temperaturas e a temperatura ambiente é obtida com recurso à equação de Arrhenius. É o modelo conjunto que permite prever/estimar tempos com interesse particular, que para a situação de se atingir metade da concentração inicial do composto em causa se designa como tempo de semi-vida. All materials, natural or synthetic go through changes with time, under the action of various factors (temperature, light and humidity). The same occurs with all drugs and medications, been the drugs more stable, these in solid forms are more stable than the ones in liquid forms. This work refers to the factors to which the stability depends, as well as the degradation process more frequents. The decomposition in the drug, forces the determination of the validity. This way the pharmaceutical companies estimates the shelf life, in a way to determinate how long the drug remains in accordance with the specifications recommended by the regulating authorities. The process of determination of the shelf life of a drug is designated as a stability analysis. The studies of stability of drugs and medications are projected in a way to indicate the degradation process, to estimate the expiry date (shelf life) or other time in which to obtain a percentage of degradation. For this is used mathematical methods verifying a interrelation of two areas completely different. The mathematical methods are one of the most powerful tools in the process of evaluation and optimization of samples. It is important to determinate experimentally the order of a reaction and the parameters involved that characterizes the order of reaction. This involves determination of constant kinetics (K), to obtain the correct order of reaction of the degradation (order 0, 1 or 2), through the relation between concentration (C) and time (t) to various temperatures (T). After, the relation between the speed of reaction to various temperatures and the environment temperature is obtained through Arrhenius equation. It is the joint model that allows predict/estimate times with particular interest. In case of the initial concentration of the compound reaching half, is designated as time of semi life.
Descrição: Projeto de Pós-Graduação/Dissertação apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Ciências Farmacêuticas
URI: http://hdl.handle.net/10284/3755
Aparece nas colecções:FCS (DCF) - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
PPG_VanessaSantos.pdf1,22 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.