Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/3722
Título: Estádio de desenvolvimento da pré-adolescência e do adolescente, a identidade, a questão pedagógica na escolinha de futebol, a integração e o acolhimento dos jogadores residentes e não residentes na Casa do Dragão e as Organizações Desportivas
Autor: Gonçalves, Joel Pereira
Orientador: Martins, José Soares
Palavras-chave: Desenvolvimento Psicossocial
Integração
Identidade
Pedagogia
Acolhimento
Organizações Desportivas
Psychosocial Development
Integration
Identity
Education
Hospitality
Sport Organisations
Data de Defesa: 2012
Editora: [s.n.]
Resumo: Kimmel e Weiner (1998) afirmam que, quanto mais desenvolvido é o sentimento de identidade, mais o individuo, valoriza o modo em que é parecido, ou diferente, dos demais e mais claramente reconhece as suas limitações e habilidades. Quanto menos desenvolvida está a identidade, mais o individuo necessita do apoio e das opiniões externas para se avaliar e compreender, menos as pessoas como distintas. O objetivo da presente investigação é estudar os estádios de desenvolvimento da pré adolescência e do adolescente, a identidade, a questão pedagógica na escolinha de futebol, a integração e o acolhimento dos jogadores residentes e não residentes na Casa do Dragão e as organizações desportivas. Desenho e método: A metodologia é quantitativa, designada por observacional, sendo um estudo transversal e comparativo. Instrumentos: Dellas identity status inventory- occupation (DISI), de Márcia, 1964; Questionário sobre desenvolvimento psicossocial, integração e acolhimento, de Martins e Gonçalves, 2012; AIQ-IV, de Cheek, Smith e Troop, 2002. Resultados: Anova Dellas e o número de anos ao serviço do clube (1 a 3anos; 4 a 6 anos e 7 e mais anos); Analisando o desvio-padrão verificamos que, (DP=8.899), referente á escala de RDI (realização de identidade), constitui-se como o valor mais elevado, contrariamente a (DP=1.528), referente á escala de difusão de identidade, como sendo o valor mais baixo. Não existem valores significativos para os vários itens desta escala (cf. Tabela 6). Conclusão: Um clube de futebol produz a identidade dos seus membros a partir da associação. De acordo com as práticas que se produzem dentro do clube, desenvolvidas segundo as suas tradições, mesmo que de algum modo inventadas, ou manufaturadas, a expressão do corpo compreende-se de modo a significar algo para alguém, geralmente o outro, o qual quer distanciar-se, ou fomentar o conflito de reciprocidade (Neto, 2009). Kimmel and Weiner (1998) states that the more developed is the sense of identity, the more the individual, emphasizes the way that is similar to, or different from others and more clearly recognize their limitations and abilities. The less developed is the identity, the more the individual needs the support and external reviews to evaluate and understand, the less people as distinct. The goal of this research is to study the developmental stages of pre teens and teenagers, the identity, the pedagogical question in soccer school, integration and hosting of resident and non-resident players in Dragon House and sports organizations. Design and method: The methodology is quantitative, called observational, and a crosssectional and comparative. Instruments: Dellas identity inventory-status occupation (DISI), Marcia, 1964; Questionnaire on psychosocial development, integration and acceptance, and Martins Gonçalves, 2012; AIQIV, Cheek, Troop and Smith, 2002. Results: Anova Dellas and the number of years of service to the club (1 to 3anos; 4 to 6 years and 7 years and over); Analysis found that the standard deviation (SD=8899), referring will scale RDI (identity achievement), was established as the highest value, contrary to (SD=1,528), referent will scale identity diffusion, as the lowest value. There are significant values for the various items of the scale. Conclusion: A football club produces the identity of its members from the association. According to the practices that take place within the club, developed according to their traditions, even if they somehow invented or manufactured, the expression of the body is understood to mean something to someone, usually another, which wants distance themselves, or foster conflict of reciprocity (Neto, 2009).
Descrição: Dissertação apresentada à Universidade Fernando Pessoa, como parte dos requisitos para a obtenção do grau Mestre em Psicologia, ramo de Psicologia do Trabalho e das Organizações
URI: http://hdl.handle.net/10284/3722
Aparece nas colecções:FCHS (DCPC) - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_JoelGoncalves.pdf828,91 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.