Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/3711
Título: Avaliação do efeito produzido sobre a superfície do colo do implante pela utilização de diferentes sistemas de colocação de implantes
Autor: Ferreira, Miguel de Magalhães
Orientador: Pinho, Mónica Morado
Data de Defesa: 2012
Editora: [s.n.]
Resumo: A reabilitação de espaços edêntulos, parciais ou totais, recorrendo ao uso de implantes dentários, tornou-se uma solução bem documentada e cientificamente aceite pela comunidade científica. Encontra-se descrito na bibliografia que o torque de inserção dos implantes varia entre os 30Ncm e os 50Ncm. No entanto, várias podem ser as situações que nos obriguem a exceder esses valores. Tendo em conta que a interface implante-pilar representa um elemento crucial na manutenção da estabilidade estrutural da prótese, e que a falta dessa estabilidade pode comprometer a sobrevivência e o sucesso do implante a longo prazo, este estudo teve como objetivo comparar e quantificar o dano produzido no colo de implantes de diferentes marcas comerciais, de acordo com diferentes sistemas e torques de inserção. Material e métodos: Foram utilizados 15 implantes de cada um dos seguintes sistemas AstratechTM, GTMedical, Straumann Tissue level® e Straumann Bone Level®, num total de 60 implantes. O interior dos implantes foi analisado e fotografado com recurso a um microscópico ótico. Após esta análise inicial os implantes foram introduzidos num bloco SawBones®, simulando as características próprias de um osso tipo I, de acordo com os seguintes critérios: 5 implantes de cada marca foram colocados com um torque de inserção de 30Ncm, 5 implantes de cada marca com um torque de inserção de 50Ncm, e 5 implantes, igualmente de cada marca, foram colocados com um torque de inserção superior a 50Ncm. Após a colocação dos implantes o seu interior foi, novamente, analisado e fotografado com recurso ao microscópico ótico.Procedeu-se à análise do dano produzido em cada implante, em função da marca comercial e do torque de inserção. Resultados: Com base neste trabalho, foi possível verificar que, das quatro marcas analisadas, os implantes da marca AstratechTM foram os que apresentaram a maior deformação na sua estrutura interna. Não foram observadas, no entanto, entre marcas, diferenças com significado estatístico para os torques de 30Ncm e 50Ncm. Relativamente à variável torque de inserção é possível constatar que aquando da aplicação de torques mais elevados (>50Ncm) a deformação, para qualquer uma das marcas estudadas, aumenta significativamente. Conclusão: Nos implantes colocados com torque de inserção de 30Ncm, não parece haver uma deformação significativa. Nos implantes colocados com torque superior a 30Ncm, a deformação existe com diferentes graus de severidade, nas diferentes marcas testadas. Especificamente nos implantes Straumann Bone Level®, a deformação ocorre apenas quando torques superiores a 50 Ncm são aplicados.
Descrição: Projeto de Pós Graduação/Dissertação apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Medicina Dentária
URI: http://hdl.handle.net/10284/3711
Aparece nas colecções:FCS (DCM) - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Miguel Ferreira 17151.pdf1,55 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.