Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/3473
Título: Bullying
Outros títulos: vitimação e agressão
estudo de caso numa Escola Profissional
Autor: Silva, Carla Manuela Barbosa da
Orientador: Oliveira, Madalena
Palavras-chave: Bullying
Escola
Alunos
School
Students
Data de Defesa: 2012
Editora: [s.n.]
Resumo: O presente trabalho aborda a problemática do fenómeno do bullying na Escola Profissional de Comércio Externo, situada no centro da cidade do Porto. O estudo conta com uma amostra de 95 jovens, com idades compreendidas entre os 15 e os 18 anos de idade. O instrumento utilizado para a recolha dos dados foi o questionário de Olweus (1998), adaptado à população portuguesa e modificado por Ribeiro (2007). O objetivo do estudo consiste em perceber a dimensão, assim como as especificidades da problemática na escola em questão. Em primeiro lugar, pretende-se perceber se existe ou não práticas de bullying na escola, tentou-se ainda perceber qual o tipo de bullying mais praticado, as características do ofensor e vítima e o local onde ocorrem os comportamentos. Os resultados do estudo mostram que 13,7% dos alunos já foram vítimas, das quais 62% do sexo feminino e 38% do sexo masculino. Por sua vez 9,5% já foi agressor dos quais 56% são do sexo masculino e 44% do sexo feminino. Os resultados corroboram com a literatura ao mencionar o recreio/corredor da escola como os locais mais propícios ao cometimento destes comportamentos. This paper approaches the problem of bullying at Escola Profissional de Comércio Externo, located in the city center of Oporto. The study has a sample of 95 young people aged between 15 and 18. The instrument used for data collection was a questionnaire by Olweus (1998), adapted to the Portuguese population and modified by Dr. Ana Teresa Ribeiro. The study was carried out using quantitative method. The objective is to know how serious the problem in this particular school is. Firstly, we intended to see whether there is bullying or not. If so, what type of bullying is most practiced, why, where and by whom so that strategies to fight it and or prevent it may be adopted. The study results show that 13.7% of students have been a victim of bullying, 62% were female and 38% male, 9.5% have been aggressors: 56% were male and 44% female. The place where most attacks take place is in the hallways at school.
Descrição: Trabalho apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para a obtenção do grau de Licenciada em Criminologia
URI: http://hdl.handle.net/10284/3473
Aparece nas colecções:FCHS (DCPC) - Outros Trabalhos Académicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
T_21649.pdf1,82 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.