Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/3469
Título: Efeito da implementação de um programa de fisioterapia na independência e aptidão funcional em idosos institucionalizados
Autor: Vilas Boas, Josiana Barreiro
Orientador: Cervaens, Mariana
Palavras-chave: Exercício físico
Independência funcional
Aptidão funcional
Idosos Institucionalizados
Physical exercise
Functional independence
Funcional Ability
Institutionalized Elderly
Data de Defesa: 2012
Editora: [s.n.]
Resumo: Quando o envelhecimento está associado à dependência funcional é fundamental criar condições necessárias para as actividades de vida diária e como fisioterapeutas perante esta problemática devemos ter uma atitude preventiva. O presente estudo experimental teve como objectivo avaliar se a implementação de um programa de fisioterapia melhora a independência e aptidão funcional. Neste estudo, foram avaliados 11 idosos, do sexo feminino (média de idades de 81±7,9 anos), que aleatoriamente foram divididos por 2 grupos, grupo controlo (GC: n=6) e o grupo experimental (GE: n=5). O GE foi sujeito a um programa de fisioterapia durante 4 semanas, diariamente. Para recolha dos dados pessoais, realizou-se uma entrevista sócio-demográfica. Na avaliação da independência e aptidão funcional utilizou-se a escala de Barthel, Medida de Independência Funcional (MIF), o Índice de Katz, e ainda testes de aptidão física geral. Foi considerado o nível de significância de p< 0,05. Os resultados provenientes dos testes não paramétricos não evidenciaram diferenças significativas relativas à aplicação deste programa. Apenas em 3 testes obteve-se resultados significativos, na flexibilidade dos membros superiores e inferiores e na velocidade da marcha. When aging is associated with functional dependence is essential to create the necessary conditions for the activities of daily living, and as physiotherapists before this problem, we should have a preventive attitude. This experimental study assessed whether the implementation of a physical therapy program improves independence and functional ability. In this study, we evaluated 11 elderly females (mean age 81±7,9 years) who were randomly divided into 2 groups, the control group (CG: n=6) and the experimental group (EG: n=5). The EG underwent a physiotherapy program for 4 weeks, daily. For collection of personal data, we held a sociodemographic interview. To assess the independence and functional ability, we used the Barthel scale, Functional Independence Measure (FIM), the Katz Index, and further tests of overall fitness. We considered the significance level of p <0,05. The results from the non-parametric tests did not show significant differences concerning to the implementation of this program. Only in 3 tests had good results, the flexibility of the upper and lower limbs and gait speed.
Descrição: Trabalho apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Licenciada em Fisioterapia
URI: http://hdl.handle.net/10284/3469
Aparece nas colecções:ESS (DCETS) - Outros Trabalhos Académicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Projeto - Josiana Boas.pdf456,97 kBAdobe PDFVer/Abrir
ProjetoJosianaBoasAnexos.pdf155,51 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.