Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/3467
Título: Prevalência de Sintomas Músculo-Esqueléticos em Bombeiros Voluntários
Autor: Silva, Flávia
Orientador: Seixas, Adérito
Palavras-chave: Bombeiros
Sintomas músculo-esqueléticos
Dor
Lesões ocupacionais
Firefighter
Musculoskeletal symptoms
Pain
Occupational injuries
Data de Defesa: 2012
Editora: [s.n.]
Resumo: Introdução: Os bombeiros estão expostos a diversos riscos ocupacionais, nomeadamente os físicos/ergonómicos que afectam a postura, a marcha, o desempenho e a qualidade de vida, levando ao aparecimento de sintomas músculo-esqueléticos. Objectivos: O presente estudo tem como objectivo, determinar a prevalência de sintomas músculo-esqueléticos em bombeiros portugueses, identificar quais as possíveis causas e actividades que possam estar na origem da sintomatologia, a sua implicação no trabalho, as estratégias de prevenção adoptadas e encontrar associação entre os sintomas reportados e as características da amostra deste estudo, nomeadamente o género e a actividade desencadeante de lesão. Metodologia: Recorreu-se a um questionário sócio-demográfico e ao Questionário Nórdico Músculoesquelético (QNM) para a recolha de dados e ao software (Satistical Package for Science (SPSS) para a análise dos mesmos. Conclusão: A prevalência de sintomatologia é elevada e relaciona-se com as actividades desencadeantes referidas pelos participantes. Introduction: Firefighters are exposed to many occupational risks, mainly physical/ergonomic. These affects one’s posture, walking, performance and daily life quality, leading to the appearance of musculoskeletal symptoms. Objectives: This study’s objective is to determine the prevalence of these same symptoms on the portuguese firefighters, to identify their possible cause, the activities which led to their appearance, their implications at work, the prevention strategies adopted and even to determine if there is any relation between the symptoms and the characteristics of the population studied, namely the gender and activity they have in the department. Methodology: It was used a socio-demographic questionnaire and a Musculoskeletal Nordic Questionnaire (MNQ) to retrieve the data needed, and to analyse it, the software Statistical Package for Science (SPSS) was chosen. Conclusion: The prevalence of these symptoms is high and it is related to the activities referred by the participants, which are the lesion trigger.
Descrição: Trabalho apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Licenciada em Fisioterapia
URI: http://hdl.handle.net/10284/3467
Aparece nas colecções:ESS (DCETS) - Outros Trabalhos Académicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
T_19726.pdf842,05 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.