Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/2997
Título: Análise das alterações posturais em crianças em idade escolar
Autor: Peliteiro, Daniela
Festas, Clarinda
Lourenço, Manuel
Palavras-chave: Alterações posturais
Avaliação postural
Crianças
Saúde escolar
Postural changes
Postural assessment
Children
School health
Data: 2010
Editora: Edições Universidade Fernando Pessoa
Citação: Revista da Faculdade de Ciências da Saúde. Porto: Edições Universidade Fernando Pessoa. ISSN 1646-0480. 7 (2010) 354-366.
Relatório da Série N.º: Revista da Faculdade de Ciências da Saúde;7 (2010)
Resumo: O objectivo deste estudo foi avaliar as alterações posturais em crianças dos 10 aos 13 anos, analisando a sua prevalência, relacionando com o género, idade e Índice de Massa Corporal (IMC). Foram avaliadas 103 crianças, dos 10 aos 13 anos, sendo 54,4% do sexo feminino e 45,6% do sexo masculino, com idade média (M) de 10,87 ±0,946 de desvio de padrão (DP). Efectuou-se uma avaliação postural completa, de forma estática, sendo as principais alterações posturais encontradas, a elevação dos ombros, hiperlordose lombar, protusão do abdómen, projecção anterior da cabeça, protracção dos ombros, anteversão pélvica e pés planos, sendo os 12 anos a idade com maior prevalência de alterações posturais. As diferenças entre género foram significativas para a escoliose e elevação das espinhas ilíacas antero-superiores (EIAS). Encontraram-se associações significativas entre a idade e os pés planos e, o IMC e a protusão abdominal. Concluiu-se que existe elevada incidência de alterações posturais em crianças. The purpose of this study was to evaluate the postural changes in children from 10 to 13 years of age, examining their prevalence and relationship to gender, age and body mass index (BMI). We assessed 103 children, from 10 to 13 years, 54.4% female and 45.6% male, mean age (M) of 10.87 ± 0.946 standard deviation (SD). A static form of postural evaluation was performed. Postural changes found were: elevation of the shoulders, lumbar hyperlordosis, protrusion of the abdomen, projection of the head, shoulder protraction, pelvic anteversion and flat feet. In the 12 years of age category, both male and female, there was a higher prevalence of postural changes. Differences between sex were significant for scoliosis and elevation of the anterior superior iliac spine (ASIS). Significant associations were found between age and flat feet, and BMI and abdominal protrusion. We conclude that there was high incidence of postural changes in children.
URI: http://hdl.handle.net/10284/2997
ISSN: 1646-0480
Aparece nas colecções:FCS - Número 07 (2010)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
354-366.pdf275,3 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.