Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/2957
Título: Problemas na aprendizagem da pronúncia portuguesa entre falantes adultos de russo
Autor: Head, Brian Franklin
Semënova-Head, Larissa
Palavras-chave: Bilinguismo
Linguística Contrastiva
Aprendizagem do Português
Imigrantes (adultos) de Leste
Pronúncia
Bilingualism
Contrastive Linguistics
Portuguese Language Learning
(Adult) Immigrants from Eastern Countries
Pronunciation
Data: 2010
Editora: Edições Universidade Fernando Pessoa
Citação: Cadernos de Comunicação e Linguagem. ISSN 1647-3485. Vol 02, (2010) 13-33.
Relatório da Série N.º: Cadernos de Comunicação e Linguagem;Vol 02, (2010)
Resumo: Após uma breve panorâmica da história do ensino do português na União Soviética, o presente estudo descreve a grande mudança que se verificou na última década relativamente à presença em Portugal de imigrantes vindos da Rússia, Ucrânia e outros países do Leste Europeu, assim como algumas das consequências resultantes sobre muitos adultos vindos desses países. Especialmente digno de nota, no tocante a esta questão, é o facto de que o influxo de numerosos imigrantes adultos da Europa de Leste em Portugal, na primeira metade da última década, criou uma necessidade urgente de cursos especiais de português para estes imigrantes. O estudo põe em destaque uma área particular com a qual se confrontam todos os professores e alunos com respeito à linguagem num novo país de residência: a pronúncia. Os principais problemas na aprendizagem da pronúncia do português europeu por parte de alunos imigrantes adultos falantes nativos do russo são considerados no presente estudo segundo duas perspectivas complementares:: (1) a teoria da análise contrastiva, a qual serve de base à comparação de paradigmas e processos fonológicos em ambas as línguas, e (2) dados empíricos, derivados de observação directa de actos de fala em português, por parte de alunos representativos deste grupo, tanto em sala de aula como em situações comuns de comunicação na vida quotidiana. Duma forma geral, o estudo mostra que, enquanto que alguns problemas se podem deduzir de imediato a partir duma simples comparação entre os paradigmas fonológicos da língua materna (o russo) e da língua alvo (o português), existem outras dificuldades, típicas do discurso dos estudantes considerados, que só podem ser identificadas mediante (a) a consideração de informação mais detalhada, numa perspectiva analítica contrastiva, tal como a que diz respeito a alguns processos de variação contextual, ou (b) o exame de traços típicos de variedades sociais e geográficas da língua do país de acolhimento qual ela se apresenta na comunidade que tais alunos imigrantes adultos frequentam. Juntamente com algumas hipóteses explicativas, este estudo apresenta sugestões para uma investigação futura. Following a brief review of the history of the teaching of Portuguese in the Soviet Union, the present study describes the great change, during the past decade, of the presence in Portugal of immigrants from Russia, Ukrainia and other countries of Eastern Europe, as well as some of the consequences of the current residence of many adults from those countries. Especially relevant to the topic of this study is the fact that the influx of numerous adult immigrants from Eastern Europe into Portugal, during the first half of the past decade, created an urgent need for special courses in Portuguese for these immigrants. The study focuses on a particular area, confronted by all teachers and all learners, with regard to the language in the new country of residence: pronunciation. The principal problems in learning of the pronunciation of European Portuguese among immigrant adult learners, whose native language is Russian, are considered in the present study from two complementary perspectives: (1) the theory of contrastive analysis, which bases the prediction of problems on the comparison of phonological paradigms and processes of the respective languages, and (2) empirical data, derived from the direct observation of speech acts, in Portuguese, by representative learners, both in the class-roomnand in common situations of communication in day-to-day life. In general, the study shows that, while some of the problems are readily foreseeable through a mere comparison of corresponding phonological paradigms in the mother tongue (Russian) and the target language (Portuguese), other difficulties, typical in the speech of the type of learners under consideration, can only be identified either by (a) consideration of more detailed information from a contrastive analytical perspective, such as processes of contextual variation, or (b) examination of features of the social and geographic varieties of the target language in the environment of the adult immigrant learners. Along with some hypotheses, the study presents suggestions for future investigation.
URI: http://hdl.handle.net/10284/2957
ISSN: 1647-3485
Aparece nas colecções:Cadernos de Comunicação e Linguagem - Vol 02

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
13-33.pdf222,81 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.