Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/2722
Título: Conhecimento leigo de sinais e sintomas precedentes de um Acidente Vascular Cerebral (AVC) Isquémico
Autor: Martins, João Filipe Gomes
Orientador: Cabral, Dinora
Data de Defesa: 2011
Editora: [s.n.]
Resumo: O Acidente Vascular Cerebral (AVC) é das patologias mais incapacitantes e fatais em Portugal e em outros países, sendo por isso considerada a mais frequente doença vascular cerebral. Uma vez que o AVC Isquémico, na sua fase aguda, tem possibilidades de tratamento, e o mesmo muitas das vezes não pode ser realizado, na sua grande parte, devido ao desconhecimento por parte da população dos sinais/sintomas característicos que o precedem bem como o seu referenciamento, surgiu a necessidade da realização deste estudo, no âmbito da conclusão da Licenciatura em Enfermagem, tendo como pergunta de partida “Quais os sinais e sintomas de alerta do AVC conhecidos pela população?”. Como forma de encontrar resposta científica para este problema, foram considerados como objectivos específicos:  Identificar se a amostra reconhece os sinais/sintomas que precedem um AVC;  Identificar os sinais/sintomas de AVC mais reconhecidos pela população;  Identificar se a amostra conhece o tratamento precoce do AVC Isquémico (tratamento trombolítico). Para o cumprimento destes objectivos e a referida pergunta de partida recorreu-se à realização de um estudo de investigação quantitativo descritivo transversal com uma amostra acidental não probabilística. O estudo foi realizado no Jardim de Arca d’Água no dia 9 de Junho de 2011 e teve como amostra 97 inquiridos. Destes, constata-se que grande parte (33%) reconhece 3 ou mais sinais/sintomas de AVC o que acaba por demonstrar algum conhecimento por parte dos mesmos. O sinal/sintoma mais reconhecido pelos inquiridos inclui a dormência ou fraqueza na face, braço ou perna, especialmente em um lado do corpo (47,4%). A população que constitui a amostra, parece ter a noção que existe um tratamento possível de reverter o AVC isquémico até às 4h30 (61,9%). Em 31,9% dos casos ao tentar-se identificar os sinais e sintomas de AVC, identificaram apenas ou também sinais referentes a outras patologias, sendo em sua grande parte característicos de sinais de um enfarte agudo do miocárdio (EAM). Stroke is one of the most disabling and fatal diseases in Portugal and other countries, being therefore the most frequent cerebrovascular disease. Since ischaemic stroke could have a treatment in its acute phase but can’t be accomplished, most of the time, due to ignorance on the part of the population who don’t recognize the signs/symptoms that precede it and thus fail the consequent referral of the patient to medical care, there arose the main question of this study, as part of the requirements to complete a Nursing Degree, known as “What are the warning signs and symptoms of stroke known by the population?”. In order to find an answer for such problem there were considered as specific objectives:  Identify if the sample recognizes the signs/symptoms that precede a stroke;  Identify the signs/symptoms more recognized by the sample;  Identify if the sample knows the early treatment of ischaemic stroke (trombolitic therapy). For the accomplishment of such objectives and the referred main question, we made a quantitative transversal investigation study with a non probabilistic non-accidental sample. The study was conducted at Jardim de Arca d’Água, on the 9th of June 2011 and the sample had 97 respondents. Of these, it appears that the most part (33%) recognize 3 or more signs/symptoms of stroke which demonstrates some knowledge on their part. The most recognized signs/ symptoms include numbness or weakness of the face, arm or leg, especially on one side of the body (47.4%). The sample appears to notice that there is a possible reversing treatment for ischaemic stroke (61.9%). Trying to identify just the signs/symptoms of stroke we noticed that 31.9% of the sample identified signs /symptoms of other diseases too, being heart attack warning signs the most described ones.
Descrição: Trabalho apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Licenciado em Enfermagem
URI: http://hdl.handle.net/10284/2722
Aparece nas colecções:ESS (DCETS) - Outros Trabalhos Académicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
T_18243.pdf892,17 kBAdobe PDFVer/Abrir
NIH_Stroke_Scale.pdf447,71 kBAdobe PDFVer/Abrir
ROSIERv15.pdf83,27 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.