Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/2604
Título: Quistos Dentígeros
Autor: Rêgo, Luísa Brandão
Orientador: Pires, Pedro
Data de Defesa: 2011
Editora: [s.n.]
Resumo: Os quistos dentígero é um dos quistos odontogénicos mais frequentes nos maxilares. São sempre radiolúcidos e normalmente uniloculares. Geralmente são detectados em exames de rotina ou quando um dente permanente não erupcionou. Os terceiros molares inferiores, seguidos dos caninos superiores e ocasionalmente dentes supranumerários, são os dentes mais frequentemente associados ao quisto dentígero, porém, a sua origem ainda não é totalmente conhecida. Os quistos dentigeros ocorrem principalmente nas primeiras décadas de vida e o seu crescimento é lento e assintomático, contudo pode provocar sérias complicações clínicas. Embora a maioria dos quistos dentígeros seja considerada de desenvolvimento, uma variante inflamatória é sugerida por vários autores. Estes estão normalmente associados a tumefacção e dor. Para a realização de um diagnóstico preciso, é necessária a análise histopatológica da lesão. Deste modo, é feito o diagnóstico diferencial com outras lesões semelhantes clínica e radiograficamente. As opções terapêuticas variam entre a descompressão, marsupialização e enucleação. Apesar do prognóstico destas lesões ser favorável, o quisto dentígero tem potencial para se desenvolver num ameloblastoma, carcinoma epidermóide e carcinoma mucoepidermoide. The dentigerous cyst is one of the most frequent odontogenic cyst in jaws. They are always radiolucent and commonly unilocular. They are usually found in routine exams or when a permanent tooth does not erupt. The third molars followed by maxillary canines and occasionally supernumerary teeth are most often associated with dentigerous cyst, but its etiology is not yet completely known. The dentigerous cyst occurs mainly in the first decades of life, and its growth is slow and asymptomatic, however, it may cause serious clinical complications. Although most of dentigerous cysts is considered development, an inflammatory variant is suggested by several authors. These are usually associated with swelling and pain. To achieve an accurate diagnosis requires the histological analysis of the lesion. Thus, the differential diagnosis is made with other similar lesions clinically and radiographically. Therapeutic modalities ranging from decompression, marsupialization and enucleation. Although the prognosis of these lesions is favorable, the dentigerous cyst has the potential to develop into an ameloblastoma, squamous cell carcinoma and mucoepidermoid carcinoma.
Descrição: Trabalho apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Medicina Dentária
URI: http://hdl.handle.net/10284/2604
Aparece nas colecções:FCS (DCM) - Outros Trabalhos Académicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TM_16555.pdf1,5 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.