Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/2550
Título: Estado da arte sobre a interacção de microorganismos com o sistema do plasminogénio
Autor: Ribeiro, Xavier Américo Soares
Orientador: Magalhães, Vanessa
Data de Defesa: 2011
Editora: [s.n.]
Resumo: Tem-se verificado que uma vasta gama de microorganismos tem aumentado as suas capacidades invasivas ao usar vários componentes do sistema do plasminogénio do hospedeiro. De facto, a interacção entre diferentes microorganismos e o sistema do plasminogénio tem sido descrito desde 1930. As observações iniciais, feitas por Tillet e Garner em 1933, mostraram a capacidade dos Streptococcus gerarem actividade fibrinolítica levando estes investigadores a sugerir que esta estivesse correlacionada com a extensão da infecção. De facto, esta hipótese foi posteriormente confirmada com vários microorganismos. Assim, diversos estudos têm sido desenvolvidos com a finalidade de interpretar estas interacções com os vários componentes do sistema do plasminogénio. Vários tipos de bactérias, parasitas, fungos e vírus afectam a regulação do sistema do plasminogénio interagindo com o plasminogénio/plasmina e seus reguladores, de forma a aumentar a concentração de plasmina nas suas imediações. A interacção com este sistema pode promover o dano dos componentes da matriz extracelular, bem como aumentar a capacidade de disseminação, dos microorganismos, por diferentes tecidos e órgãos e assim aumentar a sua invasividade. It has been reported that a wide range of microorganisms increase their invasive ability by using multiple components of the plasminogen system of the host. In fact, the interaction between different microorganisms and the plasminogen system has been described since 1930. The initial observations made by Tillet and Garner in 1933, showed the ability of Streptococcus to generate fibrinolytic activity leading these researchers to suggest that this fact was correlated with the extent of infection. Indeed, this hypothesis was later confirmed by several microorganisms. Thus, several studies have been developed in order to interpret these interactions with the components of the plasminogen system. In this way, it has been described that several types of bacteria, parasites, fungus and virus affect the regulation of the plasminogen system. The pathogens interact with plasminogen/plasmin and its regulators in order to acquire a surface proteolitic plasmin-like activity. Generation of pathogen-bound plasmin, not regulated by physiological inhibitors, can be targeted to fibrin clots and increasing adhesion to basal membranes and extracellular matrices. This increased adhesion promotes the damage of extracellular matrix components and increases the capacity to spread through tissue barriers enhancing their invasiveness.
Descrição: Trabalho apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Ciências Farmacêuticas.
URI: http://hdl.handle.net/10284/2550
Aparece nas colecções:FCS (DCF) - Outros Trabalhos Académicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TM_15240.pdf908,9 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.