Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/2468
Título: Importância da formação de biofilmes nas infeções associadas a próteses ortopédicas
Autor: Magalhães, Joana Nunes de Moura Pinheiro de
Orientador: Ferraz, Maria Pia
Data de Defesa: 2011
Editora: [s.n.]
Resumo: Microrganismos imersos num biofilme e protegidos por uma matriz exopolissacarídica têm-se mostrado capazes de se desenvolver e de colonizar muitos dispositivos médicos, incluindo implantes ortopédicos (Bahna et al., 2007). Com o envelhecimento da população, e consequente aumento da esperança média de vida, tem-se verificado um aumento na necessidade de recorrer a dispositivos biomédicos, que têm sido fundamentais para salvar vidas, proporcionando uma melhoria na qualidade de vida de muitos pacientes. Contudo, a presença destes dispositivos aumenta a incidência das infeções bacterianas e fúngicas associadas a biofilmes e dificulta a sua erradicação. Relativamente aos biomateriais utilizados em ortopedia os mais frequentes são as próteses. No entanto, o seu uso está associado a problemas graves como as infeções de próteses articulares (PJI). Aquando infeção, a solução passa pela remoção cirúrgica do dispositivo biomédico, bem como terapia antimicrobiana prolongada, afetando inevitavelmente a qualidade de vida do paciente. Uma das causas da dificuldade do tratamento deste tipo de infeções é, então, a formação de um biofilme na prótese. A estrutura do biofilme, assim como certos mecanismos de comunicação entre bactérias e a sua alteração fenotípica, são fatores que dificultam a penetração dos antibióticos, tornando o tratamento ineficaz. Atualmente, as alternativas são pouco eficazes e estão a ser investigadas várias opções clínicas para a resolução deste problema. Pesquisa sobre biofilmes microbianos está a decorrer em várias frentes, com particular ênfase na elucidação dos genes especificamente expressos pelos organismos associados ao biofilme, na avaliação de diversas estratégias de controlo, incluindo dispositivos médicos tratados com agentes antimicrobianos para prevenir ou remediar a colonização de biofilmes nestes locais e no desenvolvimento de novos métodos para avaliar a eficácia desses tratamentos (Donlan, 2002). Embedded and protected by an exopolysaccharide matrix, biofilm microorganisms have shown to be capable of developing and colonizing several medical devices, including orthopaedic implants. (Bahna et al., 2007). Considering the aging of the population and the consequent increase of the average lifetime expectancy, it has been noticed an increase on the needs for biomedical devices, which have been of major importance, saving lives and improving the quality of life for many patients. Although, the presence of these devices increases the incidence of bacterial and fungal infections associated with biofilms as well as the difficulty to eradicate them. For the biomaterial used in orthopedic, prosthetic implants are the most common. However, its use is associated with serious problems such as prosthetic joint infection (PJI). Upon infection, the solution involves the surgical removal of the biomedical device and prolonged antibiotic therapy, inevitably affecting the quality of life of patients. One of the main causes of the difficulty of treating such infections is the formation of a biofilm on the prosthesis. The structure of the biofilm as well as certain communication mechanisms between bacteria and their phenotypic change, hinder the penetration of antibiotics, making treatment ineffective. Currently, the alternatives are weak and are being investigated more methods in order to solve this clinical problem. The search on microbial biofilms is going on several fronts, with particular emphasis on the elucidation of genes specifically expressed by biofilm associated organisms, evaluation of various control strategies including medical devices treated with antimicrobial agents to prevent or fight the colonization of biofilms and develop new methods to evaluate the efficacy of these treatments (Donlan, 2002).
Descrição: Trabalho apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Ciências Farmacêuticas
URI: http://hdl.handle.net/10284/2468
Aparece nas colecções:FCS (DCF) - Outros Trabalhos Académicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TM_17192.pdf977,02 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.