Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/2353
Título: Traumatismos orofaciais em atletas federados do sexo masculino na prática de futebol e futsal no concelho de Santa Maria da Feira
Autor: Duarte, Elisa Sofia Sá Barros
Orientador: Gião, Ana
Data de Defesa: 2011
Editora: [s.n.]
Resumo: O futebol e o futsal são duas das modalidades desportivas que permitem certos contactos físicos, os quais podem levar a situações que provoquem traumatismos nos jogadores, como por exemplo, cotoveladas, pontapés e cabeçadas. O futebol é um dos desportos de equipa mais praticado e popularizado em todo o mundo. O objectivo deste estudo é avaliar a incidência de traumatismos orofaciais no futebol e futsal, em atletas masculinos, federados e séniores a jogarem no concelho de Santa Maria da Feira. Tem também como objectivo identificar a causa e as áreas anatómicas mais afectadas por esses traumatismos, bem como avaliar a necessidade de uso de protectores bucais por parte dos atletas. Os resultados obtidos mostram que o traumatismo mais comum é o dos lábios e/ou cavidade oral (43,7%) e que a maioria dos jogadores sofreu traumatismo nasal (6,5%). A causa mais comum de traumatismos foi o impacto contra outro jogador (37,2%). Cerca de 22,3% dos atletas desconhece o uso de protectores bucais; apenas 4,7% usam protectores bucais e, 14,8% já usaram protectores bucais, abandonando o seu uso maioritariamente por desconforto (51,6%). Football and soccer are two of those sports that allow some physical contact, which can lead to situations that cause injuries to players, such as elbows, kicks and headbutts. Football is a team sports more practiced and popularized throughout the world. The aim of this study is to assess the incidence of orofacial injuries in football and futsal in male athletes, seniors and federated play in the district of Santa Maria da Feira. It also aims to identify the cause and the anatomic areas most affected by these injuries, as well as assess the need for use of mouth guards for the athletes. The results show that trauma is the most common of the lips and / or oral cavity (43.7%) and that most of the players suffered nasal trauma (6.5%). The most common cause of injury was impact against another player (37.2%). About 22.3% of the athletes know the use of mouth guards, only 4.7% use mouth guards, and 14.8% had used mouth guards, abandoning its use mainly of discomfort (51.6%).
Descrição: Trabalho apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Medicina Dentária.
URI: http://hdl.handle.net/10284/2353
Aparece nas colecções:FCS (DCM) - Outros Trabalhos Académicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
T_16956.pdf2,05 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.