Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/2308
Título: Ferramentas de autoria para a criação de e-conteúdos
Outros títulos: experiência atual
Autor: Reis, Pedro
Damião, Isabel
Palavras-chave: e-Conteúdo
e-Learning
Ferramentas de Autoria
Objetos de Aprendizagem
Educação à Distância
Data: 2011
Editora: Edições Universidade Fernando Pessoa. CECLICO - Centro de Estudos Culturais, da Linguagem e do Comportamento
Citação: Cibertextualidades. Porto. ISSN 1646-4435. 4 (2011) 141-154.
Relatório da Série N.º: Cibertextualidades; 4
Resumo: Os e-conteúdos desempenham um papel importante no e-learning, uma vez que este depende significativamente do primeiro. Além disso, e-conteúdos e e-learning enfrentam uma série de desafios tendo em vista a criação de módulos viáveis para uma sociedade e instituições ricas em informação. Assim, os promotores de e-learning sentem a necessidade, por exemplo, de aumentar a colaboração entre os alunos, criar atividades práticas relevantes e criar conteúdos que os alunos de hoje achem atrativos. Isto representa um desafio essencialmente intelectual e criativo, que é, basicamente, o de produzir um design imaginativo, envolvente e interativo que funciona com os navegadores utilizados pelo público-alvo, dentro de limitações realistas de largura de banda. Na maioria dos centros profissionais de desenvolvimento, os programadores criam ferramentas personalizadas que atendam aos seus próprios métodos de trabalho e estilos. Promotores individuais de e-learning são muito mais propensos a utilizar ferramentas que ajudam a evitar os campos minados da técnica e lhes permitem concentrar-se na realização dos seus projetos. Para este propósito, as ferramentas de autoria para e-learning têm as suas vantagens, ao tornarem mais fácil para os promotores de e-learning o emprego de uma gama relativamente ampla de técnicas interativas e ao permitirem que os conteúdos comuniquem com Sistemas Gestão da Aprendizagem (SGA), a custos moderados ou até mesmo gratuitamente. O uso de tais ferramentas pode implicar alguma perda de flexibilidade, uma vez que quanto mais fácil de usar é a ferramenta, menos se poderá fazer com ela. No entanto, o valor real dos conteúdos de e-learning está no desenho e na escrita, pelo que, na nossa opinião, devemos aceitar sacrificar um pouco de flexibilidade se isso significa um orçamento e tempo de execução razoáveis. Baseado na nossa atual utilização de ferramentas de autoria gratuitas (tais como eXe-learning, Xerte ou CourseLab), consideramos que elas têm as funcionalidades adequadas para a produção de Objetos de Aprendizagem (OA) atrativos, bem como um modo de difundir o produto final em conformidade com os recursos de hardware e software do nosso público. Em suma, gostaríamos de demonstrar, com a nossa experiência atual como desenhadores de e-learning, como diferentes especialistas podem ser capazes de trabalhar diretamente com essas ferramentas, preenchendo os modelos com conteúdo. Para edição, esse conteúdo pode ser armazenado em bases de dados, ao passo que para divulgação pode ser convertido em HTML.
URI: http://hdl.handle.net/10284/2308
ISSN: 1646-4435
Aparece nas colecções:Cibertextualidades - Nº 04

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
cibertxt_4_reis_damiao_pt.pdf2,19 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.