Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/2241
Título: Determinação de necessidades
Outros títulos: ensaio sobre a intervenção psicológica na Unidade de Internamento do Serviço de Infecciologia do Hospital de Joaquim Urbano
Autor: Mateus, Filipa Antunes
Orientador: Alves, Sónia
Data de Defesa: 2009
Editora: [s.n.]
Resumo: A investigação tem vindo a mostrar a importância de não negligenciar os factores psicológicos no adoecer corporal. Tem também vindo a confirmar que o internamento hospitalar pode, não só não ser terapêutico, como em alguns casos ser patologizante. Importa, então, atender a estas duas dimensões e considerar a pessoa do psicólogo como um elemento útil no período em que o doente se encontra internado. No sentido de intervir eficazmente num contexto de internamento específico, neste estudo procurou-se determinar as reais necessidades de intervenção psicológica na unidade de internamento do serviço de infecciologia do Hospital de Joaquim Urbano (HJU), junto de técnicos e utentes daquela unidade, e perceber de que forma estas necessidades estão ajustadas às especificidades do contexto. As necessidades foram determinadas através de 18 entrevistas semi-estruturadas, realizadas a técnicos de diferentes especialidades, e a utentes internados na referida unidade. Os conteúdos das entrevistas, tratadas com o recurso à análise de conteúdo (AC), permitem suportar a ideia de que, naquela unidade, a intervenção do psicólogo pode ser útil junto de utentes com diagnóstico recente; na psicoeducação de utentes e seus familiares; na resolução de conflitos emocionais; na intervenção com utentes toxicodependentes; na comunicação técnico-utente e técnico-familiar; em situações de comprometimento emocional, cognitivo e social; na integração do utente numa rede de cuidados e na manutenção da adesão à terapêutica; em quadros de ansiedade associada a procedimentos terapêuticos; e, na reintegração de um utente na sociedade. As principais limitações desta investigação circunscrevem-se à sua natureza qualitativa e exploratória, especificamente, à dificuldade em tratar a informação recolhida, e à dificuldade em encontrar documentadas na literatura investigações como a que aqui procuramos apresentar, não desconsiderando o risco que foi concretizá-la. Research has shown the importance of not neglecting the psychological factors in the ill body. It has also been confirmed that hospitalization may not only be therapeutic, but in some cases be pathological. Considering these two dimensions, the role of the psychologist should be seen as useful while the patient is hospitalized. In order to intervene effectively in the context of a particular hospital in this study, we tried to determine the real needs of psychological intervention in the hospital unit of service of Hospital Infection of Joaquim Urbano (HJU), with technicians and users of that unit, and figure out how these needs are tailored to the specific context. The needs were determined through 18 semi-structured interviews to various technical specialties, and patients admitted in the unit. The content of the interviews, with the appeal to content analysis (CA), support the idea that, in that unit, the intervention of the psychologist may be useful to patients with a recent diagnosis in psychoeducation; for patients and families in the resolution of emotional conflict; in the intervention with drug-addicted; in the communication technical-patients and technical-family; in situations of emotional, cognitive and social compromise; in the integration of patients on a network of care and maintenance of compliance; in frames of anxiety associated with therapeutic procedures; and, in reintegration into society. The main limitations of this research are qualitative and exploratory, specially the difficulty in treating the collected information, and the difficulty in finding realiable investigations as we seek to provide, not disregarding the risk that was putting it.
Descrição: Dissertação apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Psicologia, especialização em Psicologia Clínica e da Saúde.
URI: http://hdl.handle.net/10284/2241
Aparece nas colecções:FCHS (DCPC) - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM.pdf967,08 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.