Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/1670
Título: Qualidade de vida, espiritualidade e seus correlatos em mulheres com cancro da mama
Autor: Costa, Mónica Patrícia de Almeida
Orientador: Meneses, Rute
Data de Defesa: 2010
Editora: [s.n.]
Resumo: Os objectivos do presente estudo são: a) comparar a Qualidade de Vida (QDV) de mulheres submetidas a mastectomia versus cirurgia conservadora; b) explorar a relação entre a QDV e idade; c) explorar a relação entre QDV e escolaridade; d) explorar a relação entre QDV e tempo de diagnóstico; e) comparar o Bem-Estar Espiritual (BEE) de mulheres submetidas a mastectomia versus cirurgia conservadora; f) explorar a relação entre BEE e idade; g) explorar a relação entre BEE e escolaridade; h) explorar a relação entre BEE e tempo de diagnóstico; i) explorar a relação entre BEE e QDV em mulheres com cancro da mama submetidas a cirurgia. Por último, pretende-se, ainda, identificar as características dos elementos da amostra que apresentam pior QDV e pior BEE e explorar a relação entre as respostas a dois instrumentos de avaliação da espiritualidade. Para o efeito, foram avaliadas 60 mulheres com uma idade média de 55,72 anos, dais quais 40 eram casadas, 54 não estavam no activo, 44 haviam-se submetido a quimioterapia, 40 a radioterapia, 30 a mastectomia e 30 a cirurgia conservadora. Recorreu-se à administração assistida do Questionário Sócio-demográfico e Clínico elaborado para o efeito, do “The Funcional Assessement of Cancer Therapy – Breast” FACT – B), para avaliar a QDV, “The Functional Assessementof Chronic Ilness Therapy – Spiritual Well-Being Scale” (FACIT Sp-12), para avaliar a espiritualidade, mais concretamente o BEE e da Escala de Avaliação de Espiritualidade em Contextos de Saúde. Verificou-se que quanto maior o BEE maior a QDV. Contrariamente ao que indica a literatura, não se verificaram diferenças na QDV em mulheres com cancro da mama tendo em conta o tipo de cirurgia realizada, nem correlações estatisticamente significativas entre QDV e: tempo de diagnóstico, idade ou escolaridade. No que diz respeito `espiritualidade, e também, contrariamente `literatura não se verificaram correlações estatisticamente significativas entre BEE e: tempo de diagnóstico, idade ou escolaridade. Nas mulheres com pior QDV e pior BEE, verificaram-se algumas características relatadas na literatura. Por sua vez, a existência de uma correlação forte/alta positiva entre o FACIT Sp-12 e a EAECS, indica uma relação próxima entre os dois construtos e que os dois instrumentos não estão a avaliar exactamente o mesmo conceito. Desta forma, a relação entre o BEE e QDV sugere a possibilidade do BEE ser alvo de intervenção no âmbito da promoção da QDV de mulheres com cancro da mama submetidas a cirurgia, sendo para isso importante explorar novas estratégias de apoio que premeiem uma intervenção mais comunitária, utilizando todos os recursos disponíveis para promover uma melhor QDV. Os restantes resultados encontrados exigem novos estudos, até porque as características das participantes, os instrumentos e o próprio procedimento podem ser a causa da sua divergência relativamente à literatura pré-existente. The objectives of this study are: a) compare the quality of life (QOL) of women undergoing mastectomy versus conservative surgery, b) explore the relationship between QOL and age, c) explore the relationship between QOL and education, d) explore the relationship between QOL and delayed diagnosis, e) comparing the Spiritual Well-Being (BEEN) from women undergoing mastectomy versus conservative surgery; f) explore the relationship between BEE and age; g) explore the relationship between BEE and schooling; h) explore the relationship between BEE and time of diagnosis; i) explore the relationship between BEE and QOL in women with breast cancer undergoing surgery. Finally, the intention is also to identify the characteristics of the sample elements that have worse QOL and BEE and explore the relationship between responses to two instruments for assessing spirituality. To this end, we evaluated 60 women with a mean age of 55.72 years, of wich 40 were married, 54 were not in active, 44 had undergone chemotherapy, 40 radiotherapy, 30 mastectomy and 30 conservative surgery. Appealed to the administration assisted Questionnaire Socio-demographic and Clinical prepared for the purpose of “The Functional Assessment of Cancer Therapy – Breast (FACT-B to assess QOL”, The Functional Assessment of Chronic Ilness Therapy – Spiritual Well-Being Scale (FACIT-Sp 12), to assess spirituality, specifically BEE and the Scale for Assessment of Spirituality in Health Contexts. It was found that the higher the BEE higher QOL. Contrary to literature indicates, there were no differences in the QOL in women with breast cancer taking into account the type of surgery, nor statistically significant correlations between QOL and: time of diagnosis, age or education. Regarding spirituality, and also, contrary to literature there were no statistically significant correlations between BEE and as time of diagnosis, age or education. In women worse QOL and BEE there was some characteristics that literature say. In the existence of strong correlation positive between the FCIT-Sp and 12 EAECS, indicates a close relationship between these constructs and that both instruments are not evaluated exactly the sample concept. Thus, the relationship between BEE and QOL suggests the possibility of BEE can be targeted for the intervention in promotion of QOL in women with breast cancer undergoing surgery, so important to explore new strategies to reward support a more community using all available resources to promote a better QOL. The remaining results require further study, because the characteristics of participants, the instruments and the procedure itself may be the cause of their disagreement on the pre-existing literature.
Descrição: Dissertação de Mestrado apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Psicologia, especialização em Psicologia da Educação e Intervenção Comunitária
URI: http://hdl.handle.net/10284/1670
Aparece nas colecções:FCHS (DCPC) - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_11541.pdf56,22 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.