Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/1603
Título: Os alunos de Enfermagem e os ensinos ao doente colostomizado
Autor: Rodrigues, Ana Luísa da Costa
Orientador: Pinto, Renato
Data de Defesa: 2009
Editora: [s.n.]
Resumo: Com o aumento da idade média de vida, vêem-se aumentadas, também, as doenças de foro oncológico. Pelo que, segundo Silva et al (2005, p.26): “ Um doente diagnosticado com cancro do cólon, do recto, ou do ânus, com traumatismos que afectem o recto ou o esfíncter anal, com prolapso rectal irreparável, com doença de Crohn grave, ou com doenças neurológicas com alteração da espinhal medula e que ocasionam paralisia do esfíncter anal, são frequentemente submetidos a cirurgias das quais resultam uma colostomia.” Denota-se de muita importância o restabelecimento da qualidade de vida do doente ostomizado, tendo o enfermeiro um papel fundamental na realização de ensinos ao doente colostomizado, a fim deste doente poder restabelecer o seu quotidiano o mais rapidamente possível consigo próprio e com as pessoas que o rodeiam (Silva et al, 2005, p.29), por este motivo mostrou-se pertinente a elaboração da monografia neste âmbito. O problema de investigação é escolhido, pela importância de que se reveste para a enfermagem, mais especificamente para a importância atribuída e ensinos realizados ao doente colostomizado, pelos alunos de enfermagem, adquirindo mais conhecimentos sobre a área e melhorando os cuidados neste âmbito. É impensável realizar uma colostomia, sem projectar os ensinos a realizar ao doente colostomizado, já que se trata de uma nova condição de vida de um indivíduo, com hábitos de vida alterados. Este domínio mostrou-se cativante pelo facto da importância que os ensinos ao doente colostomizado assumem na sua nova fase de vida, tentando assim, não preservar a sua dependência nos cuidados á sua colostomia. O presente estudo de investigação é do tipo quantitativo, descritivo e transversal. A amostra é constituída pelos alunos do 4º ano de Enfermagem da Universidade Fernando Pessoa. O método de colheita de dados utilizado foi o questionário, onde se respeitou os princípios éticos necessários a ter, na realização de uma colheita de dados. As principais conclusões deste trabalho são: • Pode-se concluir que o género feminino é o género predominante da amostra do estudo de investigação. • Pode-se constatar que 98,7% dos alunos já tiveram contacto com doentes colostomizados, contrapondo a 1,43% dos alunos, que não tiveram esta oportunidade, durante os ensinos clínicos. • Pode-se perceber que a maioria dos alunos vê o doente colostomizado como um indivíduo com uma auto-estima diminuída, com a alteração da imagem corporal, como um indivíduo psicologicamente afectado e fragilizado (considerando as 4 características mais assinaladas pela amostra. • Conclui-se que na sua grande maioria os alunos apenas realizaram ensinos ao doente colostomizado no âmbito de pós-operatório • Pode-se conceber que os ensinos mais realizados, pela amostra foram os ensinos no âmbito: dos cuidados de higiene á colostomia, do vestuário e alimentação do doente colostomizado, bem como dos tipos de dispositivos colectores existentes e complicações da colostomia. Os ensinos menos realizados foram: sexualidade do doente colostomizado, técnica de irrigação e direitos do doente colostomizado. • Pode-se perceber que no âmbito dos cuidados de higiene á colostomia, alimentação, sexualidade, tipos de dispositivos colectores, técnica da irrigação, complicações da colostomia, bem como no âmbito dos direitos do doente colostomizado a maioria dos alunos consideram este ensino “muito importante”; no âmbito do vestuário a maioria da amostra considera “importante • Entende-se que a população quase se divide ao meio, no que se refere á suficiência de formação no âmbito dos ensinos ao doente colostomizado.
Descrição: Monografia apresentada à Universidade Fernando Pessoa para obtenção do grau Licenciada em Enfermagem
URI: http://hdl.handle.net/10284/1603
Aparece nas colecções:ESS (DCETS) - Outros Trabalhos Académicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
questionario_15742.pdf30,37 kBAdobe PDFVer/Abrir
MONO_15742.pdf496,07 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.