Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/1383
Título: Consumos de álcool nos estudantes de enfermagem
Autor: Rodrigues, Joana Filipa Santos
Orientador: Cardoso, Filomena
Data de Defesa: 2008
Resumo: A investigação desempenha um papel importante no estabelecimento de uma base para fundamentar a prática de cuidados. O objectivo da investigação em enfermagem diz respeito ao estudo de fenómenos que levam à descoberta e ao incremento de saberes próprios da disciplina. Com o intuito de finalizar a Licenciatura em Enfermagem da Universidade Fernando Pessoa, foi proposto a realização de um trabalho de investigação, escolhido para tema “Consumos de Álcool nos Estudantes de Enfermagem”. A entrada para a universidade é um período de mudança para um jovem adulto. A conquista de mais autonomia, o assumir responsabilidades e muitas vezes sair do abrigo dos pais para viverem sozinhos, causa mudanças nos estilos de vidas dos universitários. Por vezes a entrada no mundo académico abre as portas para a adopção de comportamentos menos saudáveis. Nomeadamente para o início ou aumento dos consumos de álcool. A componente teórica deste trabalho é resultado de uma extensa pesquisa bibliográfica sobre a temática em estudo, desta forma expomos pontos fundamentais para a compreensão do problema estudado. Neste sentido, construímos a problemática do presente estudo definido com a questão de partida: “A entrada na Universidade influenciou o consumo de álcool nos alunos de enfermagem?” O tipo de estudo adoptado para a investigação científica é um estudo descritivo, transversal de abordagem quantitativa. Os objectivos deste trabalho são: saber se a entrada na vida académica contribuí para o consumo de bebidas alcoólicas; conhecer com que regularidade os estudantes de enfermagem ingerem bebidas alcoólicas; saber se os estudantes de enfermagem reconhecem os limites, ou se põem em perigo as suas vidas e de outros, ao terem actos inconscientes; identificar até que ponto a ingestão de bebidas alcoólicas influenciou o desempenho académico dos estudantes de Enfermagem. O estudo foi realizado na Universidade Fernando Pessoa, Faculdade de Ciências da Saúde. Como instrumento de recolha de dados utilizamos o questionário. A amostra do estudo é constituída por 50 alunos do 4º ano da licenciatura em enfermagem consumidores de álcool. 70% dos alunos consumidores de álcool são do género feminino e a bebida que os estudantes de enfermagem ingerem com maior regularidade é a Cerveja (36%). 58% da amostra afirma que a entrada para a universidade contribuiu para um aumento do consumo de álcool. A Educação para a saúde tem como função promover estilos de vida saudáveis. Tendo o enfermeiro um lugar privilegiado junto da população, possuindo um importante papel na prevenção do álcool. Os alunos da licenciatura em enfermagem, devido á interacção diária que têm com os professores, que na sua maioria são experientes enfermeiros, são privilegiados pois podem a qualquer momento esclarecerem dúvidas. Por sua vez os professores da licenciatura também têm um papel extremamente importante na educação para a saúde em meio universitário, cabendo a eles abordarem temáticas problemáticas como a do álcool, e consciencializarem os estudantes para os perigos que pode encontrar durante este período de mudança nesta etapa da vida que é a entrada na universidade.  
Descrição: Monografia apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Licenciada em Enfermagem
URI: http://hdl.handle.net/10284/1383
Aparece nas colecções:ESS (DCETS) - Outros Trabalhos Académicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Mono_JoanaRodrigues.pdf234,04 kBAdobe PDFVer/Abrir
Questionario_JoanaRodrigues.pdf28,75 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.