Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/1377
Título: Alcoolismo no feminino
Outros títulos: o consumo de bebidas alcoólicas em alunas universitárias – uma amostra da FCS-UFP do Porto
Autor: Pinto, Liliana de Fátima Nogueira
Orientador: Afonso, Delmina
Data de Defesa: 2008
Editora: [s.n.]
Resumo: Tendo presente o tema deste trabalho, “Alcoolismo no Feminino: O Consumo de Bebidas Alcoólicas em Alunas Universitárias – uma amostra da FCS-UFP do Porto”, desenvolveu-se um estudo quantitativo e descritivo. Com este trabalho pretende-se descrever o consumo de bebidas alcoolizadas por parte das alunas do quarto ano de Enfermagem. As questões de investigação a que este trabalho pretende ar resposta são: • Qual o inicio do consumo de álcool (idade e com quem foi a primeira experiência? • Qual o padrão de consumo de bebidas alcoólicas por parte das alunas do quarto ano de Enfermagem da FCS-UFP do Porto? • Qual a frequência com que os investigados consomem bebidas alcoólicas? • Qual o tipo de bebida alcoólica mais consumida? • Quais as principais razões que levaram ao consumo de álcool? • Quais as principais consequências a curto prazo do consumo de álcool? • A família dos inquiridos tem hábitos de consumo de bebidas alcoólicas? Como instrumento de colheita de dados, foi utilizado um questionário, de modo por um lado a caracterizar a amostra e por outro a dar resposta às questões de investigação. Os questionários foram entregues aos 65 elementos constituintes da amostra. O método de amostragem foi o probabilístico, enquanto que o tipo de amostragem foi a amostragem aleatória simples. No tratamento de dados utilizaram-se medidas de estatística descritiva. Neste trabalho achou-se pertinente abordar conteúdos como: a História do Álcool; o Consumo de Álcool em Portugal; Problemas associados ao álcool; Prevenção do consumo de álcool; o Consumo de álcool em contexto universitário, Perspectiva histórica sobre o alcoolismo, Dependência alcoólica e o Alcoolismo no Feminino. Com este trabalho concluiu-se que o início do consumo de álcool é precoce, é geralmente iniciado na companhia de amigos com vista a acompanhar o grupo. Em relação à frequência de consumo comprovou-se que bebem pelo menos uma vez por mês, na companhia dos amigos, no período nocturno em festas/eventos sociais. É de ressalvar que o grupo estudado é um grupo consciente dos efeitos do consumo excessivo de álcool e com autocontrolo.
Descrição: Monografia apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Licenciada em Enfermagem
URI: http://hdl.handle.net/10284/1377
Aparece nas colecções:ESS (DCETS) - Outros Trabalhos Académicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Mono_LilianaPinto.pdf192,67 kBAdobe PDFVer/Abrir
Questionário_LilianaPinto.pdf24,09 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.