Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/1244
Título: Necessidades nutricionais e cuidados alimentares em doentes VIH positivo/ SIDA
Autor: Alves, Vera Lúcia Leal
Orientador: Silva, Cláudia
Data de Defesa: 2009
Editora: [s.n.]
Resumo: A qualidade de vida de um doente VIH positivo está dependente de um sistema imunológico estável, fortemente influenciado por uma alimentação equilibrada e que se adapte constantemente às suas necessidades específicas (Ambrus et al., 2004). A realização de avaliações consecutivas do estado nutricional de doentes VIH positivo é imprescindível de modo que o acompanhamento do plano nutricional esteja sempre adaptado à evolução da doença. Um plano nutricional eficaz e adaptado a um doente VIH positivo inclui uma análise das necessidades nutricionais, tais como de energia, proteínas e micronutrientes. Contudo existem recomendações comuns a indivíduos saudáveis e doentes VIH positivos, mas que apresentam maior ênfase em imunodeprimidos. O acompanhamento nutricional em conjunto com outras medidas atenua as alterações morfológicas e metabólicas sentidas por estes doentes. Existem situações especiais de doentes VIH positivo que necessitam de recomendações dietéticas especiais, tais como alimentação durante a gravidez e aleitamento, alimentação vegetariana, patologias gastrointestinais, anorexia, xerostomia e a necessidade da limitação de gordura na alimentação. Bebés e crianças VIH positivo também necessitam de um acompanhamento nutricional mais regular. Recorrer à nutrição artificial em doentes VIH positivo pode justificar a evolução clínica que muitas vezes daí advêm. Inicialmente recorre-se à suplementação oral, seguidamente a suplementação entérica e só depois a nutrição parentérica. A segurança alimentar ganha especial relevância em doentes VIH positivo devido à sua imunodeficiência, daí pertencer aos cuidados alimentares deste tipo de doentes. Em suma um doente VIH positivo necessita efectivamente de um acompanhamento nutricional regular que o ajude a enfrentar a doença e a todos os tratamentos farmacológicos a que se dispõe; assim como de educação em cuidados alimentares devido à imunosupressão que apresenta.
Descrição: Monografia apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de licenciada em Ciências Farmacêuticas
URI: http://hdl.handle.net/10284/1244
Aparece nas colecções:FCS (DCF) - Outros Trabalhos Académicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Monografia_veraalves.pdf313,27 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.