Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/1142
Título: Avaliação retrospectiva da longevidade das restaurações, com compósito, realizadas por alunos de pré-graduação em Medicina Dentária da Universidade Fernando Pessoa, entre os anos de 2002 e 2006
Autor: Magalhães, Liliana de Jesus Malheiro
Orientador: Monteiro, Patrícia Manarte
Data de Defesa: 2008
Editora: [s.n.]
Resumo: Para atingir o sucesso nos procedimentos restauradores da saúde oral é importante que todos os recém-licenciados em Medicina Dentária estejam capacitados para lidar com as diversas técnicas, incluindo a restauração em dentes posteriores com compósitos. Este estudo retrospectivo teve como objectivos: avaliar a taxa de sucesso das restaurações com compósitos em dentes posteriores definitivos, realizadas por alunos durante a graduação, numa clínica Universitária; determinar as principais causas de insucesso, que impeliram à substituição ou perda das restaurações com compósitos restaurações de classes I, II e V; Avaliar a longevidade das resinas compostas utilizadas nas restaurações efectuadas na clínica universitária, com base nos diferentes tipos de compósitos utilizados e localização intra-oral das restaurações ao longo de 5 anos; E efectuar uma revisão bibliográfica sobre o tema em estudo. Para tal, na clínica de Medicina Dentária (MD), da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade Fernando Pessoa, entre os anos de 2002 e 2006, mediante a análise dos registos efectuados nas fichas de dentística e nas fichas de registo geral de tratamentos (ficha de triagem), por alunos da licenciatura em Medicina Dentária. Para o efeito foi analisado os registos clínicos de 1968 processos de pacientes que frequentaram a clínica de Medicina Dentária (MD), da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade Fernando Pessoa, entre os anos de 2002 e 2006; A unidade estatística considerada para a análise de dados foi a restauração, sendo a amostra constituída por 3176 restaurações posteriores (Classes I, II e V) com compósitos. Uma restauração foi considerada válida e com sucesso clínico funcional e estético desde que não tenha sido reparada ou substituída no período de 6 anos, ou seja, até ao ano de 2008 (ausência de registo de insucesso funcional e estético da restauração). Uma restauração foi considerada inválida ou com insucesso clínico quando o dente restaurado foi sujeito a tratamentos adicionais não restauradores directos, a tratamentos reabilitadores indirectos ou ainda quando ocorreu a substituição da restauração. Os resultados indicaram que a maior parte das restaurações realizadas foram em pacientes do género feminino (64,6%). O dente posterior mais frequentemente restaurado pelos alunos de Medicina Dentaria da UFP foi o Molar (59,2%). O preparo cavitário classe I (54,9%) foi o preparo mais registado, como também o que apresentou maior número de insucessos clínicos (45,3%). A maioria das restaurações revelou uma longevidade de cerca de 2-3 anos (35,4%). O motivo de insucesso clínico das restaurações, mais frequentemente registado nos pacientes, esteve associado à substituição da restauração (59,0%). In order to achieve success in restoration procedures related to oral health, it is imperative that each and every recently licensed dentist possess the capacity to deal with the various available techniques, which includes composite fillings in posterior teeth. The objectives of this retrospective study were to: evaluate the success rate of composite restorations in definitive posterior teeth, elaborated by dental graduate students in a University clinic; to determine the principal causes of failure, that called for a substitution or loss of the composite restorations ( BLACK class I, II and V); Evaluation of the longevity of resin composite used in the restorations done within the University Clinic, based on the different types of composite used and intra-oral localization of these same restorations along a 5 year period; And the bibliographic revision of the study subject matter. For such, in the Fernando Pessoa University Dental Clinic, according to the data in the patient triage and operative dentistry files, filled by dental students between the years 2002-2006, of which 1968 in total were analyzed. The statistical unit considered for the analyses of the data was the restoration, being that the sample consisted of 3176 posterior restorations (classes I, II and V) with resin composite filling. A restoration is considered valid and functional clinical success and aesthetics as long as it had not been repair or substituted in a period of 6 years, or until the year 2008 (absence of functional and aesthetic failure input for the restorations). A restoration was considered invalid or clinically unsuccessful when the restored tooth was subjected to further non operative dentistry treatments, indirect rehabilitation treatments or even when a substitution of the restoration occurred. The results obtained indicated that the overall majority of the restorations done were in female patients (64,6%). The posterior tooth most frequently restored by UFP dentistry students was the Molar (59,2%). The cavity preparation class I (54,9%) was the preparation most often registered, as well as the class which presented the largest quantity of clinical failure (45,3%). The majority of the restorations revealed a longevity of roughly 2-3 years (35,4%). The reason for the clinical failure of the restorations, most often registered in patients, was attributed to association of a substitution of the restoration (59,0%).
Descrição: Monografia apresentada à Universidade Fernando Pessoa para obtenção do grau de Licenciada em Medicina Dentária
URI: http://hdl.handle.net/10284/1142
Aparece nas colecções:FCS (DCM) - Outros Trabalhos Académicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
MONO_Lilianamagalhaes.pdf430,88 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.