Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10284/1118
Título: Doença articular degenerativa da articulação temporomandibular
Autor: Carvalho, Joana Alexandra Alves de
Orientador: Barbosa, Cláudia
Data de Defesa: 2009
Editora: [s.n.]
Resumo: Este trabalho foi desenvolvido com o intuito de abordar diversas questões relacionadas com o desenvolvimento da Doença Articular Degenerativa (DAD) ao nível da Articulação Temporomandibular (ATM). Os eventos moleculares que estão na base da patogénese da DAD da ATM e as artralgias associadas são complexos. Modelos contemporâneos sugerem que excessivas sobrecargas mecânicas (seja por trauma, parafunções ou instabilidade oclusal) ou a fricção articular (seja pela presença de desarranjos internos ou por alterações no líquido sinovial), iniciam uma cascata de eventos moleculares que incluem a produção de radicais livres, a libertação de neuropéptidos pró-inflamatórios, a sinalização por potentes citoquinas e, ainda, a produção e activação de enzimas degradativas da matriz extracelular. Estes eventos culminam na falência do sistema de lubrificação e na destruição de superfícies articulares, em articulações susceptíveis. Uma susceptibilidade individual para desenvolver DAD da ATM pode ser determinada por vários factores, entre os quais se destacam as hormonas sexuais, a idade, a dieta e a alteração do tónus simpático, expressados em função de um antecedente genético. Uma vez que a DAD da ATM parece envolver uma etiologia multifactorial e, sabendo que a relação entre os factores etiológicos e mecanismos fisiopatológicos não está totalmente esclarecida, o diagnóstico clínico deve ser baseado em sinais e sintomas clínicos, em achados imagiológicos (seja através da ortopantomografia, tomgrafia sagital corrigida, tomografia computorizada, ecografia e/ou ressonância magnética) e no diagnóstico diferencial. Foram abordadas diferentes modalidades de tratamento, desde a fisioterapia e medicação até às cirurgias mais complexas. A opção terapêutica da DAD da ATM depende de vários factores, que envolvem a actividade da doença (inicial, intermédia ou avançada) e a existência de alterações estruturais articulares permanentes. Uma equipa multidisciplinar, caracterizada por uma comunicação aberta e precisa, é fundamental para a obtenção de uma terapêutica adequada que melhore a qualidade de vida dos pacientes. This study aims to evaluate many questions related with the development of Degenerative Joint Disease (DJD) with regard to the Temporomandibular Joint (TMJ). The molecular events that underlie the pathogenesis of TMJ DJD and associated arthralgia are complex. Contemporary models suggest that excessive or protracted mechanical loads (trauma, posture, parafunctions or occlusal instability) or joint friction (presence of internal derangements or changes in synovial fluid), initate a cascade of molecular events, including the generation of free radicals, the release of proinflammatory neuropeptides, signaling by potent cytokines, and the production and activation of matrix-degrading enzymes. These events culminate in failure of the lubrification system and destruction of the articular surfaces in susceptible joints. An individual´s susceptibility to the development of TMJ DJD may be determined by several factors, including sex hormones, age, dietary preferences and alteration of sympathetic tone, expressed according to a genentic background. Since the TMJ DJD appers to involve a multifactorial etiology and, knowing that the relationship between etiological factors and pathophysiological mechanisms are not fully know, the clinical diagnosis must be based on clinical signs and symptoms, imaging findings (panoramic radiography, corrected sagital tomography, computed tomography, ultrasound and/or magnetic resonance) and in the differential diagnosis. We addressed various modalities of treatment, from medication and physical therapy until the most complex surgeries. TMJ DJD therapeutic option depends on many factors, including, disease activity (initial, intermediate or advance) and the existent of permanent articular structural changes. A multidisciplinary team, characterized by open and accurate communication, is essential to obtain an appropriate therapy which improves patient´s quality of life.
Descrição: Monografia apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Licenciada em Medicina Dentária
URI: http://hdl.handle.net/10284/1118
Aparece nas colecções:FCS (DCM) - Outros Trabalhos Académicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
mono_joanacarvalho[2].pdf5,39 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.